F1
31/03/2016 10:32

Alonso é reprovado no exame médico após acidente grave na Austrália e está fora do GP do Bahrein

Fernando Alonso foi barrado pela FIA após exame médico realizado na manhã desta quinta-feira em Sakhir, palco do GP do Bahrein. O espanhol foi vítima de um grave acidente em Melbourne, há quase duas semanas, e o corpo médico do Mundial disse que não há condições de o piloto correr no fim de semana. Stoffel Vandoorne vai ser seu substituto
Warm Up / FERNANDO SILVA,  de Sumaré
 Fernando Alonso (Foto: Getty Images)


Fernando Alonso está fora do GP do Bahrein. O piloto espanhol sofreu um grave acidente na disputa do GP da Austrália, no último dia 20 de março e, embora não tenha sofrido nenhuma grave lesão, não foi considerado apto pela FIA para disputar a segunda etapa da temporada 2016 do Mundial de F1. Segundo a tomografia feita nesta manhã de quinta-feira (31) no Bahrein, Alonso tem uma fissura na costela, de modo que os médicos recomendaram que o piloto não corra por precaução.
 
A FIA, por meio do seu corpo médico, realizou um exame com duração de 90 minutos na manhã desta quinta-feira em Sakhir e após alguma espera, optou por barrar Alonso da corrida deste fim de semana. Fernando sofreu um impacto de 46 G após se chocar com o carro de Esteban Gutiérrez e decolar na saída da curva 3 do circuito de Albert Park, saindo do carro com dores nas costas do lado esquerdo. Seu carro ficou totalmente destruído, com o piloto escapando por milagre.
Fernando Alonso está fora do GP do Bahrein após ter sofrido grave acidente na Austrália (Foto: Getty Images)
“Na sequência de um exame feito nesta manhã no Centro Médico do Circuito Internacional do Bahrein, ficou decidido que o piloto da McLaren Honda, Fernando Alonso, não vai fazer parte do fim de semana do GP do Bahrein. Dois exames de tomografia de tórax foram comparados, e ficou decidido que há uma resolução insuficiente de sinais que o permitam correr em condições seguras”, explicou a FIA em comunicado, afirmando que novos exames serão feitos pouco antes do GP da China.
 
Alonso perde assim, em razão de um acidente, sua segunda corrida em pouco mais de um ano. Na pré-temporada de 2015, em Barcelona, o piloto sofreu um acidente misterioso que o tirou da disputa do GP da Austrália, sendo substituído em Melbourne pelo então reserva Kevin Magnussen.

Pouco depois da confirmação de sua ausência do grid no Bahrein, Alonso se pronunciou por meio das suas redes sociais. "Tentei até o último minuto correr no Bahrein, depois do acidente na Austrália. Foram dias muito duros, logicamente, depois do impacto tão grande, mas até o último segundo pensava só em ajudar a equipe depois do trabalho incrível que fizeram esta semana. Entendo a posição dos médicos da FIA e agora tentarei ajudar com todas as minhas forças a meu companheiro Vandoorne para tirar o máximo do fim de semana."

 

He intentado hasta el último minuto correr en Bahréin después del accidente de Australia, han sido días duros lógicamente después de un impacto tan grande pero hasta el último segundo pensaba solo en ayudar al equipo después del trabajo increíble que han hecho esta semana. Entiendo la posición de los doctores de la FIA y ahora intentaré ayudar con todas mis fuerzas a mi compañero @svandoorne para sacar el máximo partido al fin de semana. Gracias a todos💪💪 I tried until the last minute to race in Bahrain after the accident in Australia, have been hard days logically after such an impact, but until the last second I try to race to help the team after the incredible work they have done this week. I understand the position of the FIA doctors ​​and now I will try to help my teammate @svandoorne to make the most of the weekend. Thanks to everyone 💪💪 #mclarenhonda #oneTeam

Uma foto publicada por Fernando Alonso (@fernandoalo_oficial) em


Stoffel Vandoorne, reserva imediato de Fernando Alonso e Jenson Button, está no Japão para uma série de testes de pré-temporada na Super Formula, mas já foi contactado pela McLaren e vai viajar rumo ao Oriente Médio para ser o substituto do bicampeão do mundo no fim de semana do GP do Bahrein neste fim de semana. A informação foi confirmada pouco depois pela McLaren. Pego de surpresa, o piloto escreveu em sua conta no Twitter que "está embarcando para o Bahrein um pouco mais cedo do que o esperado" e que está "ansioso para fazer o melhor pela McLaren".



Assim, Vandoorne passa a ter a chance de fazer sua estreia da F1 muito antes que o previsto. O talentoso belga, que dominou a temporada passada na GP2 e faturou o título da categoria, espera ser promovido ao posto de titular da McLaren em 2017, mas vai correr já no Bahrein e terá uma grande oportunidade para mostrar porque é a grande aposta da equipe de Woking para o futuro na F1.
VEJA O PADDOCK GP #22, COM PRÉVIAS DA F1, MOTOGP, INDY E F-E