F1
11/06/2018 05:30

Chefe da Mercedes fala em resultado de “merda” no GP do Canadá, mas deixa falhas para discussão interna

Apesar do segundo lugar de Valtteri Bottas, Toto Wolff mostrou-se muito insatisfeito com sucessão de erros da Mercedes no fim de semana. De acordo com o chefe da alemã, questão será analisada e corrigida internamente
Warm Up
Redação GP, de São Paulo

Após mais um fim de semana sem vitória para a Mercedes, Toto Wolff ressaltou, de forma exaltada, a necessidade de reação de sua equipe frente aos rivais. O diretor-executivo da alemã foi categórico ao classificar como ‘merda’ o resultado de seus comandados e citou a necessidade de mudanças.
 
Com frustrações desde as primeiras atividades em Montreal, a Mercedes se concentrou em corrigir as dificuldades com os pneus hipermacios e, ainda assim, conseguiu colocar Valtteri Bottas na primeira fila do grid e no segundo lugar do pódio. Apesar do desempenho de Bottas, entretanto, Wolff não se mostrou satisfeito, criticando duramente a participação da construtora no Canadá.
Lewis Hamilton não fez boa prova e perdeu a liderança do Mundial de Pilotos (Foto: AFP)

“É um resultado de merda para a gente, tenho que colocar assim. É uma pista onde somos fortes mas, ao longo de todo o fim de semana, cometemos pequenos erros — desde o princípio. O único sentimento é de que devemos acordar. Ficamos para trás em todos os aspectos, dado que essa é uma pista que deveríamos maximizar os resultados. [O resultado de Bottas] não se tratou de uma contenção de danos”, enfatizou.

O chefe das Flechas de Prata ainda afirmou que “olhará e tratará internamente” as razões para o desempenho insatisfatório de seus subordinados.

A despeito do segundo lugar, a Mercedes viu Lewis Hamilton sofrer com problemas mecânicos durante a corrida. O vice-líder do campeonato teve que ir mais cedo aos boxes por conta de problemas no sistema de refrigeração do carro, atrapalhando a estratégia do time. O inglês foi apenas quinto colocado.

Com a conclusão do GP do Canadá, a companhia de Stuttgart segue na liderança do Mundial de Construtores, com 206 pontos. A Ferrari, porém, vem logo atrás com 189 e tem Sebastian Vettel como novo líder dentre os pilotos. O alemão superou por 1 tento Hamilton e chegou a 121 na temporada. Bottas completa o trio, com 86.
 
A Fórmula 1 segue, agora, para Le Castellet. A largada do GP da França será dada no domingo (24), às 11h10 (de Brasília). O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo AO VIVO e em TEMPO REAL.

Últimas Notícias
domingo, 10 de junho de 2018
F1
F1
F1
F1
F1
F1
F1
F1
F1
F-E
F1
F-E
F1
F-E
F1
Galerias de Imagens
Facebook