F1
22/04/2015 09:32

Desiludido com fase na Force India, Hülkenberg cogita mudança definitiva para Porsche no WEC

Longe de ter um carro competitivo para a atual temporada da F1, Nico Hülkenberg terá a chance de guiar para a Porsche nas 6 Horas de Spa-Francorchamps e nas lendárias 24 Horas de Le Mans. E admite que pode ir de vez para o Mundial de Endurance
Warm Up
Redação GP, de Sumaré
Nico Hülkenberg está longe de viver seus melhores dias na F1. O alemão de 27 anos disputa em 2015 sua quinta temporada na categoria e, após as quatro primeiras corridas, somou pontos apenas no esvaziado GP da Austrália, em Melbourne, onde terminou em sétimo. Nas etapas seguintes, o piloto da Force India colecionou resultados nada alentadores: 14º na Malásia, abandono na China após problema no câmbio e 13º no Bahrein depois de ter largado em oitavo. Nico, que admitiu estar a viver sua pior fase na carreira, ganhou uma nova motivação neste ano com a chance de integrar a Porsche no WEC (Mundial de Endurance). O germânico vai disputar as 6 Horas de Spa-Francorchamps como preparação para as 24 Horas de Le Mans, principal corrida do calendário, em junho.

E levando em conta sua atual fase na F1, Hülkenberg considera uma transferência definitiva para a Porsche no futuro. “Talvez esta seja uma nova casa para o futuro”, declarou o piloto em entrevista à emissora alemã Sky. Contudo, ao menos por enquanto, seu objetivo segue sendo triunfar na F1. “Ainda estou trabalhando nisso para evoluir em minha carreira. Meu objetivo de vencer corridas e me tornar campeão mundial permanece”, disse.

Mas seu interesse em correr pela Porsche no WEC vai além. Tanto que foi o próprio piloto quem procurou a equipe alemã, deixando o chefe Andreas Seidl bastante satisfeito e impressionado com sua atitude. "Foi um bom sinal para nós", afirmou o dirigente em 2014.
Desiludido com fase na F1, Hülkenberg cogita mudar de mala e cuia para a Porsche no WEC (Foto: Porsche/Facebook)
No Mundial de Construtores, a Force India ocupa a sétima colocação e soma 11 pontos, à frente apenas das zeradas McLaren e Manor Marussia. Embora empurrado pelo forte motor Mercedes, o VJM08 está muito atrasado no seu processo de desenvolvimento desde sua concepção, uma vez que só foi à pista em Barcelona, na terceira e última bateria de testes da pré-temporada. Nico reconhece: “Não está fácil”.

“Acho que nos próximos dois meses, até a etapa da Áustria, não se deve esperar muito de nós. Pelo menos temos algo para trabalhar, mas a realidade é que agora estamos muito lentos e não podemos fazer muita coisa”, comentou o piloto, expressando todo seu desânimo com a situação atual na equipe de Silverstone.

Questionado se pensa em tratar do seu futuro desde já, Hülkenberg indicou que pretende esperar um pouco mais. “No momento, tudo está tranquilo. Ainda estamos em abril”, finalizou.

Últimas Notícias
segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018
F1
F1
F1
F1
F1
Stock Car
F1
F1
MotoGP
F1
F1
F1
domingo, 18 de fevereiro de 2018
Nascar
F1
MotoGP
Galerias de Imagens
Facebook