F1
08/10/2016 08:52

Hamilton se revolta com críticas por uso do Snapchat, fala em desrespeito e abandona coletiva de imprensa em Suzuka

Nem bem conseguiu se livrar da polêmica protagonizada no último fim de semana na Malásia, Lewis Hamilton se vê novamente no olho do furacão. Desta vez, o tricampeão do mundo bradou contra jornalistas que o criticaram por ter feito o uso do Snapchat durante a entrevista coletiva na última quinta-feira, em Suzuka, e disse ter sido desrespeitado por parte da mídia
Warm Up
Redação GP, de Sumaré

Como é de praxe em um fim de semana de etapa da F1, os pilotos, tão logo encerram sua participação no treino classificatório, falam primeiro com as emissoras de rádio e TV, no chamado ‘cercadinho’ montado em cada um dos autódromos que recebem o Mundial. Mais tarde, os competidores são escalados pelas equipes para as coletivas de imprensa, que acontecem no fim da tarde ou até no começo da noite. Assim foi em Suzuka, neste sábado (8). Mas Lewis Hamilton, pressionado depois de ficar 23 pontos atrás de Nico Rosberg no Mundial de Pilotos, aproveitou os microfones para fazer um desabafo e colocar fogo em mais uma polêmica nesta temporada.
 
Na última quinta-feira, Hamilton era um dos seis pilotos convocados pela FIA (Federação Internacional de Automobilismo) para a entrevista coletiva de imprensa que antecedeu as atividades de pista do GP do Japão. Um dos pilotos da F1 mais ativos nas redes sociais, Lewis brincou com Carlos Sainz, que também estava na entrevista, por meio de filtros do aplicativo Snapchat, em fotos que foram divulgadas enquanto acontecia a conferência. O fato é que boa parte da imprensa criticou a postura do tricampeão. A mídia, sobretudo a britânica, classificou a atitude como desrespeitosa por considerar a brincadeira uma forma de dar de ombros para o trabalho dos jornalistas.
Brincadeira de Hamilton no Snapchat repercutiu mal na imprensa britânica (Foto: Reprodução)
Só que Hamilton não aprovou em nada as críticas dos jornalistas e tornou a entrevista na qual participaria, no espaço reservado à Mercedes em Suzuka, um monólogo. Sem responder às perguntas da imprensa, o britânico fez um desabafo e deixou o local. “Diversão e travessuras ou falta de respeito”, escreveu Kevin Eason, do jornal inglês ‘The Times’.
 
“Esses sorrisos provavelmente vão sumir das suas caras. Eu não estou aqui para responder às suas perguntas, eu decidi. Com o maior respeito, há muitos de vocês que super me apoiam, e sei muito bem quem são vocês. Mas há outros que, infelizmente, se aproveitam de certas coisas”, disparou o piloto horas depois de ter conquistado o segundo lugar no grid do GP do Japão.
 
“Outro dia houve uma coisa super pequena e, se eu tiver sido desrespeitoso com qualquer um de vocês ou se vocês acharam que eu fui desrespeitoso, honestamente não foi essa a intenção. Foi apenas uma diversão. Mas o que foi desrespeitoso foi o que foi escrito ao redor do mundo”, comentou.
Lewis Hamilton bradou contra a postura dos jornalistas que o criticaram pela brincadeira com Sainz (Foto: Twitter/F1)
“Infelizmente, existem algumas pessoas aqui, e infelizmente a decisão que eu tomo afeta aqueles que me apoiam, então estou dizendo isso com o maior respeito. Mas, sim, eu não planejo mais me sentar aqui muito mais vezes, peço desculpas, e espero que vocês curtam o restante do fim de semana”, disse Hamilton, para logo depois deixar o espaço reservado pela Mercedes.
 
A polêmica é mais uma protagonizada por Hamilton, a segunda no espaço de menos de uma semana. No último domingo, o piloto abandonou de forma dramática o GP da Malásia, quando liderava e partia para retomar a ponta do campeonato. Mas uma quebra do seu motor na parte final da corrida colocou tudo a perder. Durante entrevista logo após a prova, Lewis sugeriu que “alguém não quer que eu vença o campeonato”, indicando até uma teoria da conspiração, o que foi veementemente rejeitado pela própria Mercedes.
 
Pouco depois, Hamilton veio a público e adotou um tom mais ameno, pregando união e apoio aos mecânicos da Mercedes, esfriando a polêmica, que repercutiu até a última sexta-feira, quando Paddy Lowe, diretor-técnico da equipe, ainda respondia perguntas sobre o assunto, que tende a cair no esquecimento após Lewis protagonizar outro episódio que certamente vai dar que falar.

Últimas Notícias
segunda-feira, 22 de janeiro de 2018
Endurance
Rali
Rali
Endurance
F1
F1
F1
Rali
Rali
F1
F1
F1
F1
domingo, 21 de janeiro de 2018
F1
MotoGP
Galerias de Imagens
Facebook