F1
11/07/2017 11:56

Honda se descontenta com mudança no comando e decide romper contrato com Sauber, revela jornal alemão

O 'Bild' revelou nesta terça-feira (11) que a saída de Monisha Kaltenborn e a ausência de comando e desenvolvimento da Sauber fizeram com que a Honda quebrasse o contrato que teria validade a partir de 2018. A permanência da montadora na F1, assim, vira uma grande dúvida, já que a McLaren negocia com a Ferrari
Warm Up
Redação GP, de São Paulo

A F1 está por viver mudanças fortes em 2018 — e não é no mercado de pilotos. Depois da notícia que 'La Gazetta dello Sport' soltou na manhã desta terça-feira (11) a respeito de uma possível aliança entre McLaren e Ferrari para o ano que vem, o jornal alemão 'Bild' não ficou atrás e jogou o que pode ser um grande ponto de interrogação no futuro da Honda na categoria: a montadora vai quebrar o acordo com a Sauber.
 
De acordo com o 'Bild', o motivo se encontra na saída de Monisha Kaltenborn do comando da equipe nos dias subsequentes. A ex-dirigente indiana foi a responsável pelo acordo entre as partes, anunciado no começo de maio. Às vésperas do GP do Azerbaijão, ela foi sacada por divergências com a nova cúpula da escuderia, que queria privilégios para Marcus Ericsson, enquanto Monisha queria uma situação igual para Pascal Wehrlein.
Qual motor a Sauber vai usar em 2018? (Foto: Sauber)

A Sauber é comandada pelo fundo suíço Longbow Finance e está sem chefe de equipe. A Honda não gostou da ausência de Monisha tampouco do desenvolvimento da relação desde então. É o que levou à abrupta e inesperada ruptura.
 
Assim, a equipe vai ter de voltar a negociar com as outras montadoras restantes, e o mais provável é que a Sauber tente um novo acordo com a Ferrari. A questão é que a McLaren já está conversando aquela que seria uma inédita e surpreendente parceria para 2018.
 
E sem a Sauber e, provavelmente, sem a McLaren, a Honda fica sem nada para o ano que vem. A não ser que arrume de última hora um time que a queira — claro, despejando mais dinheiro do que imaginava. Do contrário, deixaria melancolicamente a F1 e a categoria com apenas três fornecedoras.
 
POSTURA DA GLOBO NA CORRIDA DO MILHÃO DA STOCK CAR MOSTRA DESPREZO PELO AUTOMOBILISMO


Últimas Notícias
domingo, 21 de janeiro de 2018
Indy
F1
Rali
Rali
F1
sábado, 20 de janeiro de 2018
Rali
Rali
Rali
Rali
Rali
Rali
Rali
Nascar
F1
F1
Galerias de Imagens
Facebook