F1
10/04/2017 10:45

Red Bull até entende alinhamento errado de Vettel no grid, mas pede explicações à FIA: “O que vale: colchete ou linha?”

Christian Horner entendeu, mas achou estranho a FIA não se posicionar sobre o alinhamento fora do colchete de Sebastian Vettel no grid do GP da China. O chefe da Red Bull pediu um esclarecimento da entidade sobre o caso
Warm Up / Redação GP, de Curitiba
 A largada do GP da China (Foto:Divulgação)
 

Chefe da Red Bull, Christian Horner estranhou por ver Sebastian Vettel fora do alinhamento correto no grid de largada do GP da China, disputado no último domingo (9), e pediu esclarecimentos à FIA (Federação Internacional de Automobilismo) quanto à regra que determina o posicionamento correto dos carros antes de as luzes se apagarem.

Largando da segunda posição, o tetracampeão parou o carro fora do colchete pintado na pista e um pouco mais à esquerda. A intenção de Vettel foi a de evitar as linhas brancas que demarcam a posição. Como o asfalto estava ainda muito úmido, a área pintada se torna sempre mais escorregadia, especialmente para a saída.

Embora o posicionamento de Sebastian tenha sido observado pela FIA, a decisão dos comissários foi a de não punir o ferrarista. O regulamento da F1, na verdade, não fala nada sobre em não alinhar dentro do colchete, apenas estabelece que o piloto precisa "colocar o carro dentro de sua respectiva posição no grid após a volta de apresentação".
Saindo do segundo posto, Sebastian Vettel parou a Ferrari mais à esquerda  (Foto:Divulgação)

Porém, no ano passado, durante o GP do Japão, Daniel Ricciardo recebeu permissão da FIA para largar fora do colchete, porque a área estava molhada. Mas isso também gerou problemas porque os comissários recusaram um pedido semelhante feito por Lewis Hamilton.

A entidade que rege o esporte no mundo, entretanto, alegou que o "senso comum" é o principal fator para aquilo que é permitido ou não. Por isso, Horner acha que uma regra mais clara é necessária. "É óbvio o que ele estava tentando fazer. Ele estava tentando ficar na parte mais seca da pista, o que é algo que a gente consegue entender. Mas ele pode fazer?", questionou o inglês.

"Seria bom ter alguma clareza sobre se é uma obrigação ou não o piloto ficar no colchete. O que é que vale: o colchete ou a linha?", perguntou novamente. "Eu lembro que isso foi discutido no GP do Japão do ano passado. Vettel não teve vantagem nisso, mas seria bom esclarecer", concluiu.

PADDOCK GP #72 TRAZ ÁTILA ABREU E DISCUTE ETAPAS DA STOCK CAR, F1, INDY E MOTOGP