F1
05/06/2017 10:57

Seis anos após grave acidente, Kubica volta a pilotar carro de F1 durante teste em Valência nesta terça-feira

Pela primeira vez desde fevereiro de 2011, Robert Kubica vai ter a chance de pilotar um carro de F1. Nesta terça-feira, justamente no palco da última vez em que fez um teste na categoria, o polonês vai guiar o Lotus-Renault E20, modelo usado na temporada 2012 por Kimi Räikkönen e Romain Grosjean
Warm Up
Redação GP, de Sumaré

Foi em 3 de fevereiro de 2011 que Robert Kubica pilotou um carro de F1 pela última vez. A bordo do Renault R31, o polonês fechava na frente a primeira sessão de pré-temporada daquele ano com o melhor tempo. O teste foi realizado no circuito Ricardo Tormo, em Valência. Três dias depois, Kubica sofria o gravíssimo acidente no Rali Ronde di Andora, na Itália, e teve de encerrar sua carreira na F1 em razão das lesões severas nos membros superiores.
 
Pouco mais de seis anos depois e passagens pelo Mundial de Rali e corridas de GT e Endurance, Kubica vai voltar a pilotar um carro de F1. O cenário vai ser o mesmo daquele último teste em Valência. Nesta terça-feira (6), o piloto de 32 anos vai ter a chance de guiar o Lotus-Renault E20, que foi usado na temporada 2012 por Kimi Räikkönen e Romain Grosjean. O teste vai ser promovido pela Renault.
Kubica vai sentir novamente a sensação de guiar um carro de F1 nesta terça-feira  (Foto: Getty Images)
Tem sido um retorno gradual de Kubica aos monopostos. Neste ano, o polonês chegou a guiar um carro da GP3 em um circuito na Itália, além de um modelo da F-E no circuito de Donington Park. 
 
Neste meio tempo, Robert testou um protótipo desenvolvido pela Dallara na LMP2 de Le Mans para a equipe SMP Racing em Monza. O modelo será o mesmo usado por Rubens Barrichello para a sua estreia na icônica corrida de Endurance em Sarthe em 17 e 18 de junho. 
 

Recentemente, Kubica teve de abrir mão de sua presença no Mundial de Endurance depois de ter sido confirmado pela ByKolles na LMP1 às vésperas da etapa de abertura da temporada, em abril, no circuito de Silverstone.
 
Nesta semana, a Renault promove a sessão que vai ter também a presença do piloto de testes da equipe francesa, o russo Sergey Sirotkin. Segundo informa o site ‘Italia Racing’, a programação diz que Sirotkin vai guiar o E20 nesta segunda-feira, enquanto Kubica vai ganhar finalmente a sonhada chance de pilotar de novo um carro de F1 no dia seguinte.
ALONSO ATINGE NOVO PATAMAR NA HISTÓRIA DO AUTOMOBILISMO NA ESPETACULAR INDY 500


Últimas Notícias
quinta-feira, 21 de junho de 2018
F1
Indy
F1
F1
F-E
Copa Grande Prêmio
F1
F1
Copa Grande Prêmio
F1
F1
F1
F1
F-E
F1
Galerias de Imagens
Facebook