F1
03/07/2017 16:07

Vettel pede desculpas à FIA, admite exagero na ação contra Hamilton e promete se comportar por gerações futuras

Sebastian Vettel escapou de uma nova punição pelo toque com Lewis Hamilton em Baku, mas pediu desculpas pela reação exagerada que teve na ‘briga de trânsito’ que protagonizou com o rival. O alemão ainda prometeu que vai se comportar para ser exemplo para gerações futuras
Warm Up
Redação GP, de Curitiba

Depois de ter escapado de uma nova punição da FIA pela 'briga de trânsito' no GP do Azerbaijão, Sebastian Vettel reconheceu que teve uma reação exagerada ao bater no carro de Lewis Hamilton após o primeiro toque, na parte traseira do carro do rival, durante a segunda relargada da corrida azeri, realizada há quase duas semanas. 
 
Por conta da repercussão negativa que o incidente tomou, a entidade máxima do esporte a motor decidiu abrir uma nova investigação do caso e se reuniu com Vettel e a Ferrari nesta segunda-feira (3) em Paris. Depois de uma análise do episódio, utilizando vídeos e dados dos carros, a FIA decidiu manter a punição anteriormente dada ao tetracampeão em Baku e não adicionar nenhuma penalidade esportiva. Mas o órgão determinou que Sebastian vai participar de eventos educacionais com jovens pilotos e ficará afastado de campanhas, defendidas pela FIA, para a segurança viária até o fim do ano.
 
Vettel pediu desculpas publicamente pelo caso e, pela primeira vez, admitiu que teve um comportamento equivocado no caso, dizendo que Hamilton realmente não fez nada de errado durante os procedimentos da relargada. "Durante a volta de reinício, eu me surpreendi com Lewis e bati na traseira de seu carro", escreveu Seb em seu site oficial.
Sebastian Vettel (Foto: Ferrari)

"Olhando novamente, não acredito que ele tenha tido más intenções. No calor da ação, eu exagerei e, portanto, quero pedir desculpas diretamente a Lewis, bem como a todas as pessoas que estavam vendo a corrida. Percebi que não estava dando um bom exemplo", continuou.
 
"Não tinha qualquer intenção de colocar Lewis em perigo, mas entendo que causei uma situação perigosa. Portanto, gostaria de pedir desculpas à FIA. Aceito e respeito as decisões tomadas hoje em Paris, bem como a punição imposta pelos comissários em Baku."
 
"Eu amo este esporte e estou determinado a representá-lo de uma forma que pode ser um exemplo para gerações futuras", encerrou.
 
Vettel tem agora nove pontos na licença e não pode chegar a 12 até o GP da Inglaterra ou vai correr o risco de ser suspenso por uma prova, de acordo com o regulamento. A FIA prometeu ainda que, em caso de reincidência, vai acionar o Tribunal Internacional para julgar os atos do piloto.
 
POLÊMICA MOSTRA QUE VETTEL PISOU NA BOLA E HAMILTON FOI MALANDRO EM BAKU


Últimas Notícias
segunda-feira, 22 de janeiro de 2018
Endurance
Rali
Rali
Endurance
F1
F1
F1
Rali
Rali
F1
F1
F1
F1
domingo, 21 de janeiro de 2018
F1
MotoGP
Galerias de Imagens
Facebook