F1
11/07/2018 10:59

Villeneuve afirma que Sirotkin “nada aprende” com Stroll e vê saída da F1 como caminho

Jacques Villeneuve escolheu um alvo para bater forte: a Williams. A lanterna do Mundial, na opinião do campeão de 1997, tem dupla de pilotos, Lance Stroll e Sergey Sirotkin, que em nada agrada o canadense
Warm Up / Redação GP,  de São Paulo
 Sergey Sirotjkin (Foto: AFP)

Jacques Villeneuve anda crítico: depois de, no começo da semana, atacar a F1 pela punição a Kimi Räikkönen no GP da Inglaterra, agora escolheu a Williams como alvo.

O campeão do mundo de 1997 usou palavras duras contra a dupla de pilotos da lanterna do Mundial de Construtores, Lance Stroll e Sergey Sirotkin - em especial na direção do russo, que ainda não pontuou em seu ano de estreia.

"Em primeiro lugar, ele tem sorte de estaer na F1", disparou. "Se você observar o caminho que o trouxe para a F1, não há motivo para que ele esteja aqui. E por isso, mesmo estando na pior equipe, deveria estar feliz", seguiu.
Jacques Villeneuve (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)
"O problema é que seu companheiro de equipe também não possui muita experiência. Então, o que vai aprender? Se tivesse Felipe Massa ou um piloto deste nível ao seu lado, então poderia aprender algo. Mas com Lance (Stroll)? Não aprende nada", completou Villeneuve.

Para ele, Sirotkin deixa a F1 após o fim da temporada: "Que equipe vai assinar com ele depois de um ano assim? Quando traz um piloto pagante, mas é última no campeonato, a equipe mais perde do que ganha", finalizou.
Sergey Sirotkin (Foto: Williams)