F2
26/06/2018 09:50

Norris reclama de carro da F2 e diz que título vai ser decidido na sorte: “Não ganha quem pilota melhor”

Lando Norris ainda lidera a F2, mas não teve um bom final de semana na França. E saiu de Paul Ricard cheio de reclamações contra o carro da categoria
Warm Up / Redação GP, de São Paulo
 Norris sai de Baku ainda na liderança da classificação (Foto: F2)

Lando Norris pode ser a grande promessa da McLaren e líder da F2, mas não está exatamente feliz no momento. Isso pois, segundo o jovem britânico, sua atual categoria não tem dado vitórias a quem pilota melhor - e, sim, a quem escapa de ter problemas com o carro.

Segundo o piloto da Carlin - que, no final de semana do GP da França, viu sua vantagem para George Russell cair para 13 pontos (era de 38) -, todos os pilotos tem sofrido com dificuldades com seus carros.

Em Paul Ricard, ele foi um de vários a ter problemas mecânicos e, junto a Artem Markelov e Santino Ferrucci, ficou parado na largada da corrida 1 por este motivo.
Lando Norris (Foto: FIA F2)
"O título não poderia estar mais solto no ar. Não é um campeonato em que ganha quem pilota melhor. Ganha quem tem um carrro que falha menos", opinou.

"Mas não fico desapontado.Não terminei em último por um erro meu, e sim por causa do carro. Todo mundo tem o mesmo problema alguma hora, dizem que vão consertar, mas nunca funciona. É irritante, mas no fim você ri, já que não há muito o que fazer", completou o irritado Norris.

Após cinco etapas, Norris tem 104 pontos, contra 91 de Russell, da ART. Sérgio Sette Câmara, companheiro de Norris na Carlin, é o sexto, com 68.