MotoGP
17/12/2017 08:04

Morbidelli confia em décimo título de Rossi e rejeita rótulo de herdeiro: “É impossível que um só cubra tudo que ele fez”

Falando ao jornal espanhol ‘Marca’, Franco Morbidelli avaliou que é impossível que um único piloto seja rotulado como herdeiro de Valentino Rossi. Pupilo na Academia de Pilotos VR46, #21 avaliou que o titular da Yamaha tem perfeitas condições de conquistar o décimo título mundial
Warm Up / Redação GP,  de São Paulo
 Rossi foi cumprimentar Morbidelli pelo título (Foto: Reprodução)

Primeiro entre os integrantes da Academia de Pilotos VR46 a alcançar a MotoGP, Franco Morbidelli não quer para si o rótulo de herdeiro de Valentino Rossi. Na visão do #21, é impossível que um único piloto consiga substituir o italiano de Tavullia.
 
Falando ao jornal espanhol ‘Marca’, Morbidelli avaliou que é “muito difícil” se ver como herdeiro de Rossi e considerou que cabe a todos os pilotos italianos dar sequência ao legado do #46.
Franco Morbidelli avaliou que Valentino Rossi tem totais condições de conquistar décimo título (Foto: Marc VDS)

“Para mim, todos os pilotos italianos têm a tarefa de substituir Vale quando ele se aposentar, porque cedo ou tarde ele vai se aposentar, infelizmente”, disse. “Portanto, todos nós somos herdeiros de Vale no sentido de que todos teremos de nos sair bem para substituí-lo. É impossível que um só consiga cobrir tudo que Valentino fez”, opinou.
 
Ainda, o piloto da Marc VDS se mostrou confiante nas chances de Rossi de conquistar o décimo título no Mundial de Motovelocidade.
 
“Se Vale trabalha bem, se estiver bem com a moto, a Yamaha trabalhar bem e tal, seguramente sim. Ele tem tudo que necessita. Está mais velho, mas tem a vontade necessária, o talento adequado e parece que sua motivação na baixa nunca. Portanto, por que não?”, questionou.
 
Questionado se alguma vez se atreveu a dar conselhos a Rossi, Morbidelli foi claro: “Não. A não ser que seja sobre algum videogame ou uma coisa parecida, música ou algo assim, aí eu o aconselho. Mas de moto, é difícil”, concluiu.
EM BUSCA DO SONHO DA F1

PIETRO FITTIPALDI REVELA QUE NEGOCIOU COM A SAUBER PARA 2018