Copa GP

Líder do campeonato, Rogério destaca regularidade, mas diz que é preciso “ousadia” para ser campeão

Sidney Rogério terminou a quinta etapa da Copa GP em quarto e segue na liderança do campeonato, lugar que ocupa desde a primeira etapa. Com uma vaga garantida na Scuderia GP para as 500 Milhas da Granja Viana, o piloto agora quer o título máximo

Warm Up / VINÍCIUS PIVA, de São Paulo
A quarta colocação na quinta etapa da Copa Grande Prêmio de Kart garantiu mais um pódio na vitoriosa carreira de Sidney Rogério. Mais do que isso, colocou o piloto na terceira colocação da Taça João Paulo de Oliveira, um ponto atrás do líder Flávio Alves, e ainda o manteve na liderança da classificação geral do campeonato.
 
Campeão da Taça Edgard Mello Filho e com uma vaga garantida na Scuderia GP que disputa as 500 Milhas da Granja Viana no fim do ano, Rogério diz que agora está focado no título máximo da Copa GP. 
 
"A corrida foi fantástica, mesmo ficando em quarto. A gente sempre quer ganhar, mas pensando no campeonato estou com uma regularidade fantástica porque estive no pódio em todas as corridas. E olhando o campeonato, que agora é o meu objetivo principal, sigo na liderança. Por enquanto está sendo perfeito em termos de regularidade, não tenho do que reclamar", falou.
 
"A estratégia deste campeonato é a regularidade. Com kart bom ficar lá na frente, e com kart mediano tentar salvar um quarto, quinto. Estou seguindo essa linha e por isso estou com grandes chances de ser campeão no final do ano", acrescenta.
O pódio da quinta etapa da Copa GP de Kart 2019 (Foto: Gabriel Pedreschi/Grande Prêmio)
Os bons resultados dentro da pista passam também pela estratégia e perspicácia do piloto. Saber a hora certa de trocar de kart é um dos caminhos para se dar bem no final.
 
"Nesse tipo de campeonato, é muito importante saber o potencial do seu kart muito rápido. Na primeira parte da classificação, estava entre sexto e oitavo. Não estava ruim, mas percebi que já tinha tirado tudo do kart, a pista estava secando e os outros estavam mais rápidos. Decidi trocar para tentar pegar um kart melhor e realmente dei sorte de pegar um melhor e larguei em sexto", revela. 
 
Indagado se esta é a ousadia que um campeão precisa, o piloto foi direto ao ponto.
 
"Com certeza. Todo mundo que quer estar na frente no rental kart tem de ter essa ousadia porque se você ficar sempre no meio do grid não se chega a lugar nenhum, tem de ganhar."
 
No início de julho acontece a decisão da Taça João Paulo de Oliveira no kartódromo da Granja Viana. Quatro pilotos estão na briga por mais uma vaga na Scuderia GP.
Corsa