DTM

Chefe afirma que Mercedes está disposta a dar chance a Massa no DTM, caso brasileiro saia da F1

Toto Wolff afirmou que um piloto com a experiência de Massa é sempre um reforço muito grande para a montadora no campeonato alemão. O próprio brasileiro já disse que a interessa correr na categoria

Warm Up / Redação GP, de São Paulo

"O novo poderoso chefão": entrevista exclusiva de Wolff à RWUp

Negociando para permanecer na F1 em 2014, Felipe Massa já afirmou que o DTM, principal campeonato de turismo da Alemanha, é uma categoria que interessa, caso precise de um plano B. No que depender do chefe da Mercedes, Toto Wolff, os desejos do brasileiro podem ser realizados.

O dirigente afirmou que está interessado em dar uma chance a Massa na nova categoria, se o piloto não conseguir permanecer na F1. “Alguém como Felipe pode ser sempre um reforço para o DTM ou para qualquer outra categoria”, disse o dirigente. “Definitivamente, ele é um piloto interessante e devemos considerá-lo”, declarou.
Massa tem caminho aberto para o DTM (Foto: Getty Images)

O brasileiro já havia declarado, em outras oportunidades, que espera ter um carro competitivo no ano que vem na F1. Se as negociações não derem certo, o DTM é apontado como uma solução para o futuro da carreira, pois poderá continuando brigando por vitórias em corridas de alto nível.

“Eu ainda acredito que posso fazer muita coisa na F1, mas, se não conseguir, talvez o DTM. Seria interessante correr lá, mas eu gostaria de uma boa oportunidade para ser competitivo. Se ficar muito tarde para correr no DTM, talvez eu espere um ano”, afirmou o piloto brasileiro.

Diversos pilotos com passagem pela F1 já passaram pelo DTM nos últimos anos, como David Coulthard e Ralf Schumacher. Em 2013, foi a vez de Timo Glock se dedicar ao campeonato alemão depois de perder a vaga na Marussia.