Farfus abandona e lamenta quebra de câmbio na Inglaterra: "Tínhamos chance de grande resultado"

Augusto Farfus não completou a prova deste domingo (19) em Brands Hatch por conta de um problema de câmbio. O piloto agora é o terceiro colocado da tabela

Depois da vitória na etapa de abertura do DTM, Augusto Farfus não pôde completar a prova em Brands Hatch neste domingo (19). Apesar do bom desempenho apresentado na classificação e também na corrida, o brasileiro da BMW sofreu com uma quebra de câmbio e perdeu a chance de pódio.

Largando em segundo, o curitibano manteve a posição e acompanhava de perto o líder Mike Rockenfeller. Augusto foi o primeiro entre os ponteiros a entrar para os boxes, na volta 31, seguido por Spengler na 33, e Rockenfeller na 31. Após a primeira rodada de pit-stops, a ordem entre os primeiros não se alterou e os três tinham um ritmo muito parecido.

Na volta 63, Farfus entrou para sua segunda parada obrigatória e retornou à pista na segunda posição. Mas logo que saiu dos pits, o brasileiro começou a ter problemas com a caixa de câmbio. O piloto ainda parou na reta de largada para tentar engatar novamente o carro, mas estava travado na terceira marcha e, assim, teve de abandonar a prova duas voltas depois.

Farfus abandonou prova na Inglaterra (Foto: BMW)

"Estávamos muito bem na corrida e nosso ritmo era forte", disse Farfus. "Depois do meu segundo pit-stop, tive um problema com o câmbio, que ficou travado na terceira marcha. Tentei parar o carro na pista e engatá-lo novamente, mas não foi possível", completou.

"Completamos dez corridas no ano passado sem nenhum problema mecânico, então estou desapontado, especialmente estando em segundo. É uma pena não ter conquistado os pontos, porque realmente tínhamos grandes chances de um excelente resultado", concluiu.

Com o resultado, Augusto caiu para o terceiro lugar no campeonato e está a quatro pontos do líder Rockenfeller, que venceu a etapa inglesa.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube