Endurance

Barrichello comemora chance de voltar a correr em Daytona: “Feliz demais por estar aqui mais uma vez”

Rubens Barrichello vai disputar as 24 Horas de Daytona pela quarta vez na carreira. Em 2016, teve seu melhor resultado, terminando em segundo lugar com a tripulação da Wayne Taylor Racing. Hoje pela JDC-Miller, o brasileiro festeja a oportunidade de correr nos Estados Unidos, sua segunda casa
Warm Up / Redação GP, de Sumaré
 Rubens Barrichello (Foto: Twitter)
Rubens Barrichello é, sem dúvidas, uma das grandes atrações da disputa das 24 Horas de Le Mans em 2019. Certamente entre os pilotos mais procurados pelos jornalistas, o recordista de largadas no Mundial de F1 vai disputar a lendária prova de endurance pela quarta vez. Na última delas, em 2016, o piloto terminou em segundo lugar ao lado de Ricky e Wayne Taylor, além de Max Angelelli pela Wayne Taylor Racing, que tem como um dos pilotos em 2019 ninguém menos que Fernando Alonso.
 
Nesta edição das 24 Horas de Daytona, Barrichello vai acelerar o Cadillac DPi #85 da JDC-Miller ao lado de Tristan Vautier, Delvin DeFrancesco e Misha Goikhberg. No combinado dos quatro primeiros treinos livres realizados neste fim de semana, a tripulação registrou o nono melhor tempo.


 
Para Barrichello, poder voltar a disputar aquela que é uma das mais icônicas provas do automobilismo mundial é motivo de grande alegria. 
 
“Gosto muito de Daytona. Estou feliz demais por estar aqui mais uma vez. Vamos seguir acelerando. Gosto muito de vir para cá”, declarou o piloto de 46 anos em entrevista à revista norte-americana ‘Racer’.
 
O piloto mora há algum tempo com sua família em Orlando, na Flórida, onde também fica Daytona. Assim, a prova acaba acontecendo praticamente em casa. Mais um bom motivo para festejar a chance de estar acelerando de forma competitiva diante dos vários fãs que tem nos Estados Unidos e em todo o mundo.
 
“Amo os Estados Unidos e estou passando mais tempo na Flórida com minha família. Para mim, é como minha segunda casa. Quero fazer muito um grande espetáculo para o público e para a equipe. É um carro rápido e, até agora, está tudo bem. Espero que possamos ter uma boa corrida”, concluiu Barrichello.

A edição 2019 das 24 Horas de Daytona está marcada para os dias 26 e 27, sábado e domingo do último fim de semana de janeiro.