Magnussen se diz destruído após furo de pneu em carro da Ganassi em Daytona

O dinamarquês lamentou os problemas em sua estreia no SportsCar, mas exaltou a experiência e mostrou animação com o restante da temporada

Kevin Magnussen encerrou a estreia nas 24 Horas de Daytona com um gosto amargo na boca. O ex-Fórmula 1 lamentou os problemas que teve durante a prova, dizendo que existia uma possibilidade real de vitória.

No final de semana, o dinamarquês disputou a primeira corrida como piloto de endurance. Debutando no SportsCar, dividiu o carro com Renger van der Zande e Scott Dixon na corrida mais tradicional do calendário.

O trio vinha em bom ritmo e brigava pelas posições da ponta, mas teve de lidar com problemas. Primeiro, Magnussen rodou as quatro rodas no ar quando estava erguido nos boxes, precisando pagar drive-through. Depois, quando deixava o carro para a entrada de Dixon, um furo no pneu com 3h para a bandeira quadriculada. O resultado final foi uma quinta colocação.

Magnussen lamentou os problemas em Daytona (Foto: Reprodução)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

“[Fiquei] Absolutamente destruído. Parecia que tínhamos a vitória da corrida logo ali. Renger tinha um ritmo muito bom para alcançar o #10. Acho que tínhamos uma chance muito boa de vencer a disputa”, falou Kevin.

Entretanto, o dinamarquês exaltou a experiência e se vê animado para o restante do campeonato. “Foi uma experiência realmente incrível para mim. Aproveitei cada momento. Aprendi muito e mal posso esperar pela ótima temporada com a Ganassi”, concluiu.

A vitória das 24 Horas de Daytona ficou com Helio Castroneves, que dividiu o carro com Filipe Albuquerque, Ricky Taylor e Alexander Rossi. Felipe Nasr e Pipo Derani brigavam pelo triunfo, mas um problema na caixa de câmbio da dupla acabou com as chances de pódio.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube