Endurance

Nissan anuncia retorno às 24 Horas de Le Mans em 2014 com projeto inovador de carro elétrico

A montadora japonesa, de propriedade da Renault, estará no grid das 24 Horas de Le Mans do ano que vem ocupando vaga reservada para carros experimentais. A Nissan esteve presente na prova em 2012 como fornecedora de motor e parceira do projeto Delta Wing
Warm Up / Redação GP, de Sumaré

A Nissan está de volta às 24 Horas de Le Mans. Por meio de um anúncio de Carlos Ghosn, presidente da Renault, dona da montadora japonesa, o retorno se dará em 2014 com “um carro Nissan pioneiro dotado de tecnologia elétrica e zero de emissão” de carbono.

O bólido vai ocupar a vaga destinada a carros experimentais, chamada pela ACO [Automobile Club de l’Ouest] de ‘Garage 56’. Em 2012, a Nissan esteve presente em Sarthe como parceira e fornecedora de motor do projeto Delta Wing como carro experimental. Neste ano, a vaga ‘Garage 56’ será ocupada pelo GreenGT, protótipo movido a hidrogênio e eletricidade.

A Nissan voltará a Le Mans em 2014; mas, desta vez, com um projeto próprio (Foto: Highcroft Racing/Facebook)

A intenção da Nissan é, no futuro, colocar sua marca nas 24 Horas de Le Mans na categoria principal, a LMP1. “A entrada vai testar a tecnologia inovadora de powertrain e fornecer à ACO e à FIA dados que permitam a todas as partes avaliar a incorporação desta tecnologia de ponta visando um retorno potencial à LMP1 no futuro”, diz o comunicado emitido pela montadora.

Tida como uma das líderes mundiais em tecnologia para carros elétricos, a Nissan, por meio do seu diretor mundial de esportes a motor, Darren Cox, entende que uma das grandes motivações para voltar a Le Mans foi usar o automobilismo como plataforma de desenvolvimento de novas tecnologias para carros de rua.

"Temos dito de todas as maneiras durante esta jornada que nós temos de ter a máxima relevância para a nossa tecnologia de carros de rua, e a Nissan é líder em tecnologia de veículos elétricos, de modo que devemos fazer algo nesta linha na pista", afirmou.