Rebellion confirma retorno para LMP1 em 2018 e escala esquadrão liderado por Senna, Jani e Lotterer

A Rebellion vai mesmo voltar para a classe principal do WEC em 2018. Para o retorno, o time suíço vai confiar em um esquadrão liderado por Bruno Senna, Neel Jani e André Lotterer

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Agora é oficial: a Rebellion está de volta ao grid da LMP1 em 2018. Com imenso sucesso na LMP2 em 2017 e título conquistado por Bruno Senna e Julien Canal, o time suíço acertou o retorno para a classe principal do Mundial de Endurance e, de quebra, já anunciou quais serão os membros do esquadrão nesta quarta-feira (13).

E a Rebellion anunciou seis pilotos de nome para a temporada 2018. Campeão da LMP2, Senna continua fazendo parte do time, ganhando na linha de frente a companhia dos campeões mundiais Neel Jani e André Lotterer, que ficaram sem lugar no WEC com a saída da Porsche e, hoje, já estão no grid da Fórmula E pela Dragon e pela Techeetah, respectivamente.

Bruno Senna no topo do pódio da LMP2 ao lado de Julien Canal e Nicolas Prost (Foto: Rebellion/Facebook)

"Estou muito feliz por estar na LMP1 com a Rebellion para 2018/19. As várias mudanças no regulamento vão ser desafiadoras para nós, mas temos grandes pilotos e um time de muita qualidade para lidar com isso. Vamos trabalhar muito para tentar vencer Le Mans", disse o brasileiro.

Os outros pilotos da equipe para 2018 são: o americano Gustavo Menezes, campeão da LMP2 em 2016, Mathias Beche, membro do time em outros campeonatos, e Thomas Laurent, de apenas 19 anos e um futuro bem promissor no endurance.
 

EM BUSCA DO SONHO DA F1

PIETRO FITTIPALDI REVELA QUE NEGOCIOU COM A SAUBER PARA 2018

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height:
0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute;
top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube