FE

Di Grassi e Piquet mantém rivalidade de velhos tempos e se alfinetam em vídeo sobre eP de Berlim

Rivais dentro e fora das pistas, Lucas Di Grassi e Nelsinho Piquet não conseguem parar de se cutucar. Depois de um eP de Mônaco recheado de intriga entre os brasileiros, organização da F-E promoveu um vídeo em que os pilotos aparecem se alfinetando. Um diz que o outro reclama muito, e este retribui lembrando que o oponente não vence campeonatos

Warm Up / VITOR FAZIO, de Porto Alegre
Talvez seja um clichê horrível dizer que a temporada inaugural da F-E está eletrizante. Mas certamente não se trata de uma afirmação falsa. Em vídeo divulgado pela categoria antes da disputa do eP de Berlim, disputado neste sábado (23), Lucas Di Grassi e Nelsinho Piquet comentaram suas disputas e explicitaram as desavenças que marcam as últimas provas da temporada inaugural do certame.
 
Ao comentar sobre as diferenças de um para o outro, ambos Di Grassi e Piquet trataram de alfinetar o rival.
“O jeito que eu lido com corridas é esse: eu não reclamo, faço meu trabalho. Nelson está reclamando muito. Ele tem um primeiro e um segundo lugar, vem fazendo um bom trabalho. Mas não acho que seja meu rival mais forte, só conseguiu bons resultados nessas últimas provas”, analisou Di Grassi.
 
Di Grassi não abriu mão da chance de criticar Piquet... (Foto: AP)
“Desde quando começamos a correr juntos, Lucas nunca brigou por campeonatos. Ele sempre esteve próximo, mas nunca chegou lá. Eu já ganhei muitos campeonatos no Brasil. Campeonato nacional de kart, F3 sul-americana, F3 britânica”, contra-atacou Piquet.
 
Já Piquet menciona a seca de títulos de Di Grassi. Desde que começou a correr em monopostos, o atual líder da F-E nunca venceu nenhum campeonato.
 
As acusações dão sequência a uma série de eventos que apontam para a inimizade dos dois. Desde o eP de Long Beach, em que os dois não trocaram nem olhares no pódio, a situação só piorou.
...Assim como Piquet resolveu fazer o mesmo Di Grassi (Foto: Divulgação)
Em Mônaco, após a desavença na classificação, Di Grassi e Piquet quase se tocaram em uma disputa pelo segundo lugar.
 
No mais novo episódio, em Berlim, Di Grassi venceu depois de abrir uma vantagem monumental sobre os adversários. Piquet, depois de uma classificação ruim, chegou ao quinto lugar. Assim, a diferença entre os dois primeiros colocados passou para 17 pontos.
 
Mas os rivais finalmente concordam quando mencionam a disputa pelo título. Os dois acreditam que será uma disputa acirrada.
 
“Certamente lutaremos até a última corrida para vencer o campeonato. Toda corrida é uma grande briga, toda corrida tentamos vencer”, afirmou Di Grassi.
 
“É a primeira temporada da F-E e todos querem tanto ganhar. Quanto mais nos aproximamos do fim do campeonato, menos arriscamos. Precisamos ser espertos. É sempre interessante para o público ver dois brasileiros lutando, duas pessoas de mesma nacionalidade”, concluiu Piquet.