17º, Nasr vê classificação complicada da Sauber, mas se diz confiante em “ganhar algumas posições” na corrida

Felipe Nasr vai largar da 17ª posição do grid neste domingo (19), em Melbourne, para a abertura da temporada 2016 da F1. O brasileiro lamentou apenas não ter tido tempo para aproveitar melhor os pneus supermacios no fim do Q1

Felipe Nasr definiu a classificação deste sábado (19), em Melbourne, como complicada. O brasileiro da Sauber foi eliminado logo na primeira fase da sessão e vai largar da 17ª posição do grid. Ainda assim, Nasr acha que, em ritmo de corrida, o C35 pode surpreender e brigar mais à frente com o pelotão intermediário.
 
"Foi uma classificação complicada para nós", disse o piloto de 23 anos. "Todo o grid é muito competitivo, e nós sabemos que ainda temos muito trabalho pela frente. Mas, para a corrida, estou confiante de que poderemos ganhar algumas posições", completou o brasiliense.
Felipe Nasr vai largar da 17ª posição do grid (Foto: Getty Images)
Nasr apenas lamentou não ter tido a chance de aproveitar melhor os supermacios na parte decisiva do Q1. 
 
"Foi uma pena que sai com o jogo de pneus supermacios e não conseguir dar mais uma volta rápida por causa do tempo, mas isso é parte do novo sistema de classificação, não há muito que fazer", acrescentou Felipe.
 
VEJA A EDIÇÃO #20 DO PADDOCK GP, QUE ABORDA F1, MOTOGP, INDY E F-E

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube