F1

2º nos testes da F1 em Barcelona, Rosberg acredita que atualizações da Mercedes renderam “bom progresso”

Nico Rosberg ficou atrás de Sebastian Vettel no primeiro dia da bateria de testes da F1 em Barcelona. Mesmo assim, o líder do campeonato enfatiza que a Mercedes segue conseguindo avanços no desenvolvimento do W07
Warm Up / Redação GP, de Porto Alegre
 Nico Rosberg andou com a Mercedes nos testes coletivos nesta terça-feira em Barcelona (Foto: Getty Images)
Nico Rosberg acredita que, mesmo já tendo o melhor carro do grid, a Mercedes segue conseguindo avançar no desenvolvimento do carro. Segundo mais rápido nesta terça-feira (17) de testes da F1 em Barcelona, atrás apenas de Sebastian Vettel, o líder do campeonato diz ter extraído “o máximo possível” da atividade.
 
“É bom poder voltar ao carro. Aprendi muito e fizemos um bom progresso, o que é muito importante. É meu único dia de teste para o ano todo, então precisei extrair o máximo disso, tentar aprender o máximo possível. Fizemos algumas coisas na suspensão e no set-up do carro.”, disse Rosberg.
Nico Rosberg andou com a Mercedes nos testes coletivos nesta terça-feira em Barcelona (Foto: Getty Images)
Os dois dias em Barcelona são os únicos de testes inter-temporada da F1. Após esta quarta-feira – dia em que o W07 está reservado para Esteban Ocon –, a próxima sessão será só em 2017.
 
Agora, Rosberg está focado no GP de Mônaco, marcado para 29 de maio. Vencedor das últimas três provas nas ruas de Monte Carlo, Nico terá a oportunidade de aumentar ainda mais a vantagem sobre Lewis Hamilton.
 
“Estou ansioso pelo resto do ano, mas meu foco agora é em Mônaco. Vamos precisar ficar de olho nos rivais como sempre, mas estou confiante e mirando em outra vitória”, finalizou.