Abalado por acidente em Silverstone, Maldonado quer Lotus largando entre oito primeiros para “fugir do risco”

Pastor Maldonado está querendo fugir das confusões. Pensando em não se envolver em novos acidentes nas largadas, o venezuelano espera ver a Lotus nas oito primeiras colocações no grid

Pastor Maldonado está com um discurso de piloto mais conservador. Após o incidente logo no início do GP da Inglaterra, o venezuelano quer evitar largar novamente do meio para o fim do grid e quer ver a Lotus trabalhando duro para voltar a classificar entre os oito melhores já na próxima etapa.
 
Maldonado exaltou o desempenho da Lotus na temporada, mas reconheceu que o time não foi nada bem em Silverstone.
 
“Nós estamos tentando desempenhos bons, mas Silverstone foi a pior pista para o nosso carro, especialmente falando da classificação”, disse.
 
Para o piloto venezuelano, a Lotus precisa voltar a mostrar boa recuperação para andar no grupo da frente.
 
“Nós estávamos conseguindo adaptar nosso carro a todas as pistas e todas as condições, então é necessário que a gente se recupere do que aconteceu na Inglaterra e volte a ficar entre os oito primeiros na classificação”, falou.
Pastor Maldonado quer fugir das confusões nas próximas largadas (Foto: Xavi Bonilla/Grande Prêmio)
Com grande histórico de abandonos na F1, Maldonado mostrou-se preocupado em não se envolver mais em nenhum incidente na largada.
 
“Muitas vezes nada acontece, mas é bem arriscado largar em posições ruins no grid. A chance de acidente é grande. Novidades estão vindo e espero que a gente tenha um salto de desempenho”, completou.
 
Maldonado vem tendo um ano cheio de altos e baixos e alguns abandonos. O venezuelano anotou 12 pontos e está em 13º no Mundial de Pilotos. Seu companheiro, Romain Grosjean, está em décimo.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube