F1

Albon revela distração com “bola de fogo” causada por Stroll na largada e afirma: “Estava quente ali”

Alexander Albon marcou os primeiros pontos na F1 no Bahrein, mas acredita que poderia ter ido ainda melhor não fosse uma “bola de fogo” causada por Lance Stroll na largada

Warm Up / Redação GP, de São Paulo
Alexander Albon teve um bom GP do Bahrein. Em sua segunda corrida na F1, o tailandês conseguiu marcar os primeiros dois pontos, mas acredita que poderia ter ido ainda melhor não fosse um incidente na largada. Mesmo escapando dos toques, Albon ficou exatamente atrás de Lance Stroll, que havia acabado de acertar Romain Grosjean e estava soltando um monte de faísca com o carro danificado tocando o chão.
 
O jovem piloto contou que fugiu do tumulto na curva 1 evitando maiores disputas, mas que a "bola de fogo" causada pelo carro da Racing Point foi um fator que complicou bastante suas primeiras ações na prova do Bahrein.
 
"Muita gente foi freando cedo e eu meio que reagi e fiz a mesma coisa, então me safei da confusão na curva 1. Veio a curva 3 e tinha uma bola de fogo vindo na minha cara e isso me distraiu. Estava ali no meio daquilo e o Stroll foi ficando lento, não sabia o que estava acontecendo. Só que estava quente ali, foi mais que só visual", disse.
Alexander Albon chegou em nono no Bahrein (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)
Albon, que admitiu que demorou para reagir ao problema de Stroll, vê na classificação outro ponto a ser melhorado para ter um desempenho mais forte nas próximas corridas.
 
"Isso não me preocupou, mas foi uma nova experiência, eu vi que precisava sair dali. Perdi uma posição também ali tentando escapar daquelas chamas. Sinto que poderia ter ido ainda melhor. Foi uma pena aquela largada, mas estou feliz com a performance, agora é classificar melhor, chegar ao Q3, nós merecemos e podemos fazer isso", seguiu.
 
O tailandês explicou que a corrida no deserto foi tão movimentada que o nono lugar acabou sendo surpreendente.
 
"Fiquei surpreso com o resultado final porque você faz sua corrida, mas todo mundo está naquele entra e sai dos boxes, você não sabe exatamente com quem está lutando, então foi meio surpreendente saber que estava em nono ali no final", completou.