Alonso admite erro na classificação, mas reconhece que Ferrari não tem carro rápido com pista secando

O piloto da Ferrari disse que a escuderia italiana tem sofrido quando precisa aquecer os pneus intermediários por causa da chuva. Por isso, o sexto lugar é um resultado que pode ser melhorado na corrida de amanhã

Fernando Alonso conquistou uma marca indigesta na carreira neste sábado (8) em Montreal. Com o sexto lugar obtido no treino classificatório, o piloto da Ferrari vai alinhar na pior posição de largada da carreira em um GP do Canadá desde a estreia pela Minardi. Frustrado com o resultado, o bicampeão já apontou um culpado: a falta de desempenho do carro da Ferrari quando a pista está secando.

“Neste ano nós vimos em Mônaco e aqui novamente que não estamos supercompetitivos com a pista secando. E, com a pista fria, quando colocamos o pneu para asfalto seco está ainda pior. O mesmo vale para a Lotus”, disse o piloto espanhol, fazendo referência ao fato de que nenhum carro da Ferrari e da Lotus estejam no top-5 do grid.

Alonso ficou frustrado com o sexto lugar em Montreal (Foto: Getty Images)

Alonso reconheceu, ainda, que a chuva durante a classificação impediu que os pilotos forçassem até o limite, já que era muito fácil causar algum acidente. Apesar disso, ele se manteve confiante em se recuperar e conquistar um bom resultado neste domingo.

“Olhando a classificação no geral, não foi fácil fazer tudo dar certo e era possível cometer algum erro nessas condições. Vimos carros competitivos caindo fora no Q1, vimos Felipe indo parar no muro. Mas nós ainda temos a possibilidade de brigarmos amanhã, se formos rápidos o suficiente na corrida”, disse.

“Ainda é um pouco frustrante porque nós nos sentíamos muito competitivos com o carro, mas vamos largar em sexto. Por isso, amanhã precisamos voltar à direção correta, marcar muitos pontos e mostrar o potencial do carro”, acrescentou o piloto, afirmando que a expectativa para a corrida é boa, pois a Ferrari teve um bom desempenho durante os treinos livres.

Quanto ao resultado deste sábado, Alonso disse que a Ferrari, por causa da estratégia, perdeu a oportunidade de aproveitar o momento em que a pista estava nas melhores condições, mas ele próprio cometeu um erro quando era necessário andar rápido.

“Nós estávamos nos boxes quando era o melhor momento no Q3. Além disso, quando eu coloquei pneus novos para a segunda tentativa, travei as rodas na curva 10 e perdi muito tempo lá. Então, em parte é erro meu que estamos em sexto”, encerrou.

A cobertura completa do GP do Canadá no GRANDE PRÊMIO
As imagens de sábado da F1 em Montreal
Automobilismo na TV: a programação do fim de semana

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube