Alonso quebra acordo com Ferrari e volta à McLaren na temporada 2015, informa jornalista brasileiro

Américo Teixeira Jr., do Diário Motorsport e parceiro do GRANDE PRÊMIO, informou que Fernando Alonso e a McLaren já têm um acordo para o ano que vem depois que o espanhol decidiu quebrar o que tinha com a Ferrari

Fernando Alonso, bicampeão mundial de F1 nos anos de 2005 e 2006, será piloto titular da equipe McLaren em 2015, é o que pode afirmar com convicção o Diário Motorsport, parceiro do GRANDE PRÊMIO. Embora não seja possível, ainda, precisar quando será o anúncio oficial, os advogados das partes – piloto, McLaren, Honda e Ferrari – já encontraram um denominador comum, e o desligamento de Alonso do contrato com o time italiano, que rezava sua permanência até 2016, já foi concretizado.

Fernando Alonso (Foto: Getty Images)

Assim, encerra-se a parceria de Alonso com o time italiano, iniciada em 2009 e que nunca lhe rendeu um título sequer. A relação de Alonso com a escuderia italiana foi se desgastando ao longo da temporada com o mal nascido projeto da F14T, mas com a chegada de Sergio Marchionne à presidência no lugar de Stefano Domenicali, as coisas mudaram de vez. O novo dirigente tem um perfil racional, alinhado ao gosto e jeito da família Agnelli, de que a Ferrari está acima de qualquer pessoa. Desta forma, Alonso perdeu espaço e valor neste cenário.

Com 33 anos, o espanhol está sem ganhar um campeonato na F1 desde 2006, quando era piloto da Renault.

Leia a reportagem completa no Diário Motorsport.

As imagens de Fernando Alonso em 2014
#GALERIA(5079,80871)

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube