Alonso reafirma saída da F1 “por já ter feito tudo” e mantém críticas: “Só dois carros podem vencer”

Fernando Alonso reiterou nesta quinta-feira (25) que deixa a F1 após o final da atual temporada por sentir que não tem nenhum objetivo novo na categoria - que foi criticada novamente pelo espanhol, que a considera "sem emoção" no momento

Bicampeão do mundo: são poucos os pilotos que ostentam tal nomenclatura, e Fernando Alonso é um deles – a ponto de ser reconhecido como "lenda" por parceiros de grid. Mas chegou a hora de mudar de ares e buscar novos objetivos, reafirmou o espanhol nesta quintafeira (25), no circuito Hermanos Rodriguez, onde disputa o GP do México no próximo domingo.

Durante entrevista para a imprensa na qual o GRANDE PRÊMIO esteve presente, Alonso novamente elencou suas razões para que ao final do ano ele deixe a principal categoria do automobilismo mundial.

"Não estou deixando a F1 porque não tenho um carro competitivo. estou deixando porque já fiz tudo que tinha de fazer", disse.

"Cheguei aqui, ganhei corridas, ganhei campeonatos, bati recordes, pilotei pela Renault, McLaren, Ferrari. Tenho 37 anos e não posso fazer mais que isso na F1", completou.

Fernando Alonso (Foto: Beto Issa)

De qualquer forma, ele não escondeu o que pensa sobre a F1 atual e todos os problemas que enxerga no que a categoria se tornou; "Veremos nos próximos anos (se ela pode melhorar)."

"Agora mesmo não está no melhor dos níveis em relação a espetáculo, apenas há dois carros que podem vencer corridas, e dentro destas equipes só temos dois pilotos que eles querem que ganhem, então já segundos pilotos em cada equipe…", lamentou.

"Quando chega o final de semana já se sabe mais ou menos qual resultado ocorrerá, perde um pouco da emoção. é o que busca corrigir a F1 do futuro e tomara que encontrem uma solução, para o bem de todos", finalizou o campeão do mundo de 2005 e 2006.

GRANDE PRÊMIO cobre ‘in loco’ o GP do México de F1 neste fim de semana com a repórter Evelyn Guimarães.
 
E o Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1 acontece este ano nos dias 9, 10 e 11 de novembro, no autódromo de Interlagos. Os ingressos para a corrida estão disponíveis no único site oficial do evento: www.gpbrasil.com.br.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube