Ansioso, Pérez mira pódios e Racing Point como quarta força do grid em 2020

Sergio Pérez lamentou o fato da Racing Point não conseguir brigar com a McLaren em 2019, mas mostrou bastante ansiedade para a próxima temporada, especialmente mirando presenças no pódio e o quarto lugar no Mundial de Construtores

Sergio Pérez terminou 2019 em alta. Com oito chegadas no top-10 nas últimas nove corridas, o mexicano da Racing Point não consegue conter a empolgação com a nova temporada, que começa em 15 de março, na Austrália.
 
Analisando o campeonato que passou, Pérez citou que a Racing Point não conseguiu se aproximar de McLaren e Renault, mas viu o campeonato do time de Silverstone no mesmo nível da Toro Rosso, que terminou uma posição à frente.
 
"Mal posso esperar para 2020. Acho que teremos um grande ano pela frente. Conseguimos evoluir passo a passo, mas não é suficiente. Não acho que ficamos próximos da McLaren, eles foram forte neste ano", comentou Pérez ao site ‘Motorsport Week’.
Sergio Pérez (Foto: Pirelli)
Na opinião de ‘Checo’, o fato da Toro Rosso ter aproveitado as oportunidades de conseguir grandes pontos prejudicou a disputa. O time somou pódios com Daniil Kvyat na Alemanha e Pierre Gasly no Brasil.
 
"Renault ficou um degrau acima de nós, mas ficamos próximos da Toro Rosso. É claro que eles fizeram um trabalho melhor, marcando vários pontos quando as oportunidades apareceram, e isso fez muita diferença no pelotão intermediário", continuou.
 
Para 2020, Pérez acredita que o time deve mirar chegadas no pódio e o quarto lugar entre os construtores, feito conquistado pela antiga Force India em 2016 e 2017. A última presença do mexicano entre os três primeiros foi no GP do Azerbaijão de 2018.
 
"Porém, em 2020, podemos melhorar muito. Temos grandes times e todos vão melhorar, então precisamos entrar no ritmo e evoluir, pois será difícil. Acho que pódios e o quarto lugar entre os construtores precisa ser o nosso alvo no próximo ano", completou.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube