Após criticas de Red Bull e Mercedes, Lotus defende pneus desenvolvidos pela Pirelli para 2013

James Allison, diretor-técnico da Lotus, saiu em defesa dos atuais pneus da F1. Compostos foram criticados por Red Bull e Mercedes

Apesar das criticas feitas por Red Bull e Mercedes aos novos pneus Pirelli, a Lotus decidiu sair em defesa dos compostos. Após o GP da Malásia, quando os times puderam constatar a velocidade do desgaste dos calçados, algumas equipes cobraram mudanças imediatas, mas a fábrica italiana já afirmou que só planeja rever o produto após a etapa do Bahrein. 
 
Diretor-técnico da Lotus, James Allison afirmou que essas reclamações visam o interesse dos próprios times e se manifestou contrário a mudança, por acreditar que a fórmula atual torna as corridas mais divertidas.
Lotus defendeu manutenção da atual fórmula dos pneus da F1 (Foto: Getty Images)
“Alguns times estão ansiosos por uma mudança para a borracha do ano passado, mas as equipes sempre irão pressionar pelo que é deu seu próprio interesse”, afirmou. 
 
Ciente de que a vitória de Kimi Räikkönen em Melbourne está relacionada ao bom trabalho do finlandês na gestão dos pneus, o dirigente afirmou que a Lotus prefere que os compostos sigam como estão. 
 
“Achamos que os atuais pneus tornam as corridas interessantes, mas então podemos dizer que nosso carro tende a prosperar quando os pneus estão frágeis”, reconheceu. 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube