Após sétima colocação, Vettel aponta Ferrari e Mercedes como principais adversárias no Canadá

O piloto da Red Bull reconheceu que a equipe austríaca ainda tem espaço para melhorar, embora a Mercedes siga com um desempenho dominante na tomada de tempo. A Ferrari, por sua vez, tem o carro mais equilibrado

Embora tenha terminado com a sétima colocação nesta sexta-feira (7), Sebastian Vettel não parece muito preocupado com o desempenho da Red Bull. De olho em conquistar a primeira vitória da carreira em Montreal, o alemão afirmou que pelo que pôde observar até agora a Mercedes segue como favorita na luta pela pole-position, enquanto a Ferrari é a dona do carro mais equilibrado.

“Em uma única volta, se você olhar a tabela, a Mercedes novamente estava muito, muito rápida. A Ferrari parece competitiva tanto na tomada de tempo quanto em ritmo de corrida, então acho que essas duas vão ser nossas principais rivais”, declarou o piloto da Red Bull.

Sebastian Vettel foi o sétimo em Montreal (Foto: Paul Gilham/Getty Images)

Além das duas equipes, Vettel se lembrou da Lotus, terceira colocada do dia com Romain Grosjean, e que pode conseguir um bom desempenho a partir da estratégia de pneus.

“Nunca é bom esquecer a Lotus porque eles podem ser uma surpresa na corrida por conseguir dar mais voltas que todos nós com os mesmos pneus. Ainda é difícil dizer. É preciso ficar de olho em todas essas equipes que eu mencionei”, acrescentou.

O piloto da Red Bull, por fim, reconheceu que a escuderia austríaca ainda precisa melhorar o desempenho na tomada de tempo, mas admitiu que dificilmente vai conseguir alcançar os carros prateados. “Ainda temos espaço para melhorarmos na classificação, mas a Mercedes parece muito, muito rápida novamente”, concluiu.

A cobertura completa do GP do Canadá no GRANDE PRÊMIO
AMK Viagens lança pacote especial para GP da Itália em Monza
As imagens da sexta-feira da F1 em Montreal
Automobilismo na TV: a programação do fim de semana

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube