As cinco melhores voltas da F1 2021 que não existiram por culpa de Michael Masi

O que seria do desfecho do GP de Abu Dhabi e da temporada 2021 se Michael Masi tivesse acionado a bandeira vermelha após acidente com Nicholas Latifi?

AS CINCO MELHORES VOLTAS DA F1 2021 QUE NÃO EXISTIRAM POR CULPA DE MICHAEL MASI

A definição do título na Fórmula 1 de 2021 acabou recheada de polêmica na esteira da conquista de Max Verstappen na última volta do GP de Abu Dhabi. Lewis Hamilton, que havia liderado quase todas as voltas da prova até a última, foi prejudicado pelo acionamento do safety-car após acidente sofrido por Nicholas Latifi. Com a decisão de Michael Masi de optar pelo SC e, desta forma, não acionar a bandeira vermelha, os postulantes ao título da F1 tiveram apenas uma volta para decidir a disputa, que basicamente não houve: os pneus duros e gastos de Hamilton não foram páreos para os compostos macios espetados no carro de Max.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

A pergunta que fica é: o que aconteceria se Michael Masi decidisse interromper a corrida no momento da batida de Latifi? Uma bandeira vermelha significaria que os dois rivais fariam o desfecho da disputa com pneus macios, em igualdade de condições, e a Fórmula 1 simplesmente veria as melhores cinco voltas do campeonato, com ambos os pilotos batalhando diretamente na pista pela glória máxima do esporte a motor.

É isso que Victor Martins, João Pedro Nascimento e Renato Ribeiro debatem neste vídeo. Como seriam as últimas cinco voltas do GP de Abu Dhabi e a disputa pelo título caso uma bandeira vermelha tivesse sido acionada no momento da batida de Latifi?

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar