Aston Martin perde chefe após 2021 de baixa na F1. Ainda anima?

A Aston Martin ainda inspira confiança de que o futuro será positivo mesmo com o fracasso esportivo de 2021 e a perda do chefe em 2022? É a discussão em pauta

A Aston Martin era a grande expectativa da Fórmula 1 2021 e acabou decepcionando. Mesmo com o fracasso de 2021 e a derrota acachapante para o grupo formado por Ferrari, McLaren, Alpine e AlphaTauri, que deveriam ser rivais próximas, a equipe inglesa aparece para o ano novo cheio de mudanças. O chefe de equipe saiu e, no lugar dele, um novo chefe e um novo diretor-técnico.

Ainda dá para ser otimista quanto ao futuro da Aston Martin na Fórmula 1? De acordo com Pedro Henrique Marum, sim, pelas escolhas feitas ao longo dos últimos tempos. Desde a nova fábrica aos pilotos.

E você, o que acha sobre o futuro da Aston Martin?

ASTON MARTIN AINDA ANIMA DEPOIS DE 2021 RUIM E PERDA DE CHEFE?

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar