Áustria oficializa sinal verde para dois GPs no Red Bull Ring, mas sem público

Em entrevista concedida neste sábado (30), Rudolf Anschober, ministro da Saúde da Áustria, confirmou que a F1 vai correr no Red Bull Ring com GPs marcados para os dias 5 e 12 de julho. Mas, diferentemente do que noticiou a revista local ‘Die Motorprofis’ na última sexta-feira, as provas vão ser realizadas sem presença de espectadores

Só falta mesmo o anúncio oficial por parte da F1. Mas o governo da Áustria se antecipou ao Liberty Media e anunciou, por meio do ministro da Saúde, Rudolf Anschober, que o país vai receber as duas primeiras etapas da temporada 2020, nos dias 5 e 12 de julho. Entretanto, diferentemente de informação veiculada na última sexta-feira pela revista local ‘Die Motorprofis’, os dois eventos vão ser realizados sem a presença do público. A publicação noticiou que as provas teriam acesso restrito a 500 espectadores, o que foi rechaçado pela autoridade.
 
“As duas corridas da F1, nos dias 5 e 12 de julho, em Spielberg, vão ser realizadas sem espectadores”, declarou Anschober em entrevista veiculada pela agência de notícias ‘AFP’. De acordo com o ministro, os eventos foram aprovados pelo governo depois que a F1 “apresentou um plano completo e profissional” para combater a propagação do novo coronavírus.
 
O político ressaltou, contudo, que as duas corridas só vão ser disputadas caso todas as garantias sanitárias feitas pela F1 sejam cumpridas.
O governo austríaco autorizou a realização de duas corridas da F1 no Red Bull Ring (Foto: AFP)
“Além das rigorosas medidas de higiene, o plano envolve também testes regulares e exames de saúde para as equipes e todos os outros funcionários”, explicou. “O elemento crucial vai ser a coordenação estreita entre os organizadores e as autoridades regionais e locais de saúde”, ressaltou o ministro.
 
Quanto ao isolamento social, o Red Bull Ring é visto pela F1 e pelo governo austríaco como um local ideal para a abertura da temporada. O autódromo fica na zona rural de Spielberg e é afastado cerca de 550 km da capital, Viena.
 
Atualmente, de acordo com os números da Universidade Johns Hopkins, a Áustria registra 16.685 casos positivos para o novo coronavírus, sendo que 668 perderam a vida por conta da doença.
 
O planejamento da F1 para os dois finais de semana no Red Bull Ring incluiu a criação do que está sendo chamado de biosfera. Apesar de não ter especificado ainda como se dará fisicamente, o objetivo é isolar todas as pessoas que estarão no circuito e vão trabalhar durante os eventos.
 
“Um dos desafios logísticos é fazer com que todos sejam testados e liberados para entrar no ambiente das corridas”, explicou Ross Brawn, diretor esportivo da F1. “Depois que fizermos isso, vamos manter todos nesse ambiente, dentro da biosfera que queremos criar, para outra corrida. A Áustria se encaixa bem nisso. Tem um aeroporto local ao lado do circuito, onde as pessoas podem fretar aviões. Não fica muito perto de uma metrópole”, explicou o dirigente.
 
A expectativa do Liberty Media é que a temporada possa finalmente ter início na Áustria para que depois a F1 possa seguir viagem, mas permanecendo na Europa, com tendência de que a corrida seguinte seja na Hungria, antes de dois finais de semana seguidos com corridas em Silverstone em agosto (nos dias 2 e 9). A categoria pretende divulgar o calendário europeu nos próximos dias.
Paddockast #63
QUAIS PILOTOS MERECEM UM ‘THE LAST DANCE’?

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube