Bernie mais uma vez se esquiva de polêmica sobre GP do Bahrein: “Não recebi nenhum relato negativo”

Dias depois de manifestantes voltarem a protestar contra a presença da F1 no Bahrein, Bernie Ecclestone defendeu o GP e disse que ninguém o informou a respeito de problemas

Assim como aconteceu nos três últimos anos, Bernie Ecclestone está empurrando para debaixo do tapete a polêmica que envolve a crise civil que o Bahrein vive. Há duas semanas da edição de 2013 do GP do Bahrein, protestos de grupos xiitas contra a presença da categoria já começaram – no último domingo, um muro amanheceu com os dizeres “não à sangrenta F1", como reportou o ‘Daily Mail’. O dirigente máximo da F1 garantiu que não recebeu relatos de episódios que possam gerar insegurança aos pilotos, às equipes e os demais envolvidos com a categoria que planejam viajar à Sakhir no meio de abril.

“Eu ainda não recebi nenhum relato negativo de ninguém que está lá”, ele declarou em entrevista à agência de notícias ‘Reuters’. “Uma pessoa que vive lá veio me ver ontem para me ver ontem e disse que tudo está normal”, contou.

Com a proximidade do GP do Bahrein, manifestações contra a F1 voltaram a acontecer (Foto: Divulgação)

Desde o início da chamada ‘Primavera Árabe’, a maioria xiita do Bahrein se rebelou contra a minoria sunita que comanda o país há anos. O momento mais delicado foi em 2011, quando a própria F1 precisou cancelar o GP do Bahrein. Até aqui, após três anos de disputas, a ordem não mudou, embora as manifestações continuem a acontecer.

“Acho que [a oposição] está negociando agora, então eu não acho que eles vão atrapalhar essas conversas fazendo protestos. Isso não os ajudou no ano passado, então, se eles tiverem céreobro, vão continuar com essas conversas”, disparou o inglês de 82 anos.

Por fim, Ecclestone afirmou que o futuro da prova a longo prazo não corre risco. “Eles fazem um trabalho muito, muito bom pela corrida, todo o suporte que vem de cima é bom. Não há problemas”, concluiu. O GP do Bahrein é disputado desde 2004 no Circuito Internacional de Sakhir.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube