Brawn diz que Leclerc “pagou preço alto por ser impetuoso” em Mônaco, mas fala: “Dá para entender”

Para Ross Brawn, diretor esportivo da Fórmula 1, Charles Leclerc forçou um pouco além do necessário para tentar avançar no grid do GP de Mônaco e, por isso, "pagou um preço alto" - no caso, o abandono. Mas que, por ser jovem e por correr em casa, é possível entender a situação

Charles Leclerc foi prejudicado pela estratégia da Ferrari no Q1 da classificação para o GP de Mônaco, acabou largando só em 15° e abandonou a corrida ainda no começo, após o pneu traseiro direito furar.

Mas, durante as poucoas voltas em que conseguiu permanecer na pista, arriscou e ganhou diversas posições, mesmo em pista em que ultrapassagens são quase impossíveis.

Porém, para Ross Brawn, diretor esportivo da Fórmula 1, o que o monegasco fez foi o que causou o abandono: ele teria sido, na visão do dirigente, "impetuoso demais".

Charles Leclerc (Foto: Ferrari)

 Ouça no Spotify

  Ouça no iTunes

  Ouça no Android

  Ouça no playerFM

"Charles foi longe demais e pagou preço alto por ser impetuoso", disse Brawn. Mesmo assim, "fez sentido" o risco, na visão o diretor; "Dá para entender sua reação, porém."

"Era sua corrida em casa e sua primeira tentativa de vitória em uma equipe de primeira linha. Era para ser um momento especial, mas acabou apenas em desapontamento", concluiu Brawn.

Foi a segunda vez que Leclerc correu na F1 em Mônaco, e ele segue sem completar a prova, já que em 2018, pela Sauber, abandonou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube