Button diz que Hamilton precisa ser desafiado por Verstappen: “Bottas não chega nem perto”

Jenson Button, que muito incomodou Lewis Hamilton na McLaren, quer ver algo parecido na Mercedes. O campeão de 2009 sente que é hora de Max Verstappen substituir Valtteri Bottas

Lewis Hamilton vive grande fase na Fórmula 1, mas parte do sucesso pode ser atribuído ao pouco ameaçador Valtteri Bottas. A análise é de Jenson Button, campeão da F1 e ex-companheiro de Hamilton, agora sendo mais um a apoiar a ida de Max Verstappen à Mercedes para criar uma briga realmente intensa por títulos.

De acordo com Button, não há esperança de ver Valtteri Bottas virando um verdadeiro rival de Hamilton. Jenson sente que Lewis tem caminho livre para seguir empilhando títulos enquanto não for desafiado dentro de sua própria equipe.

“Não acho que vai mudar [domínio de Hamilton]”, disse Button, entrevistado pela Autosport. “Vai continuar assim até ele parar ou até ter um companheiro de equipe que realmente o desafie. Ele certamente aprendeu com os companheiros e é um piloto mais completo do que quando formávamos dupla. Só que veríamos um piloto diferente se o Lewis tivesse um companheiro como o Max [Verstappen]. Ele precisa desse desafio. Caso contrário, ele vai fazer a mesma coisa e seguir vencendo o campeonato”, seguiu.

GP DE EIFEL; LEWIS HAMILTON; MAX VERSTAPPEN; NÜRBURGRING; PÓDIO;
Lewis Hamilton e Max Verstappen: serão companheiros um dia? (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

Button reconhece que Bottas até faz bom trabalho em treinos classificatórios, onde consegue brigar com Hamilton. Em corridas, entretanto, o finlandês soma dois triunfos contra nove do britânico.

“Ele [Bottas] precisa de alguém que o desafie na Mercedes. Não culpo a equipe porque é mais fácil quando se tem um piloto mais rápido do que o outro. Eu sei que o Valtteri chega perto na classificação e é mais rápido algumas vezes, mas ele não chega nem perto do Lewis em ritmo de corrida”, encerrou.

Button foi um dos poucos companheiros que realmente incomodou Hamilton. Os dois formaram dupla na McLaren entre 2010 e 2012, período em que Jenson somou mais pontos e levou a melhor na disputa interna.

A Mercedes, entretanto, segue defendendo a dupla atual. A escuderia acredita que a chegada de Verstappen criaria um duelo interno “desnecessário”.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube