Calejado, Vettel diminui vantagem da Ferrari em treinos livres: “O que importa é domingo”

Sebastian Vettel liderou o primeiro treino livre em Spa nesta sexta-feira (30), enquanto Charles Leclerc chegou ao topo no segundo. Mas, para o n° 1 da Ferrari, a Mercedes está escondendo o jogo

A sexta-feira (30) de abertura de trabalhos na Bélgica pareceu boa para a Ferrari: Sebastian Vettel lideoru pela manhã, enquanto Charles Leclerc foi ao topo da tabela de tempos na segunda sessão.

Mas, para Vettel, não é bem assim. É que ele mostrou estar 'calejado' por outros finais de semana da temporada, nos quais a Mercedes ficou atrás da Ferrari nos treinos livres, mas foi dominante na hora decisiva.

Desta forma, relevou as declarações de Lewis Hamilton, que viu a Ferrari "impressionante", e de Valtteri Bottas, que falou que a escuderia italiana "está matando" os rivais.

"É só sexta-feira. Acho que já vi isso acontecer em algumas sextas neste ano", disse Vettel. "O mais importante é acertarmos nossas escolhas para o domingo."

Sebastian Vettel (Foto: AFP)
Paddockast #31
QUEM NA F1 PASSA DE ANO?

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

Em seguida, o alemão foi questionado sobre a possível briga pela pole com a Mercedes, e declarou que "com certeza" os adversários vão duelar com a Ferrari pelo posto. 

"Como eu disse, não é a primeira vez que parecemos tão bem. Provavelmenteo sábado pela manhã vai parecer bom também, e aí veremos o que acontece de tarde. Não dou nada como garantido", concluiu Vettel. 

A F1 volta à pista na manhã deste sábado com o terceiro treino livre a partir de 7h (horário de Brasília). Já a definição do grid de largada está marcada para 10h. O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo AO VIVO e em TEMPO REAL.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube