Leclerc diz que é cedo para pensar em título, mas admite: “Espero chegar lá”

Charles Leclerc está 31 pontos atrás de Max Verstappen após oito das 24 etapas realizadas na temporada 2024 da Fórmula 1

A vitória de Charles Leclerc no GP de Mônaco do último domingo (26) fez muita gente pensar que o piloto possa, de fato, duelar com Max Verstappen pela disputa da temporada 2024 da Fórmula 1. Após oito das 24 etapas do campeonato realizadas, o monegasco disse que “ainda é cedo” para pensar em ser campeão, mas deixou escapar que o título mundial é possível neste ano.

A Red Bull vem de duas temporadas de amplo domínio, principalmente em 2023, quando venceu 21 das 22 corridas. Tudo indicava que haveria um novo passeio taurino no campeonato deste ano, sobretudo após as duas primeiras etapas, com dobradinhas no Bahrein e Arábia Saudita. Na Austrália, Verstappen abandonou com problemas no freio, enquanto Sérgio Pérez não foi competitivo com o RB20, o que abriu caminho para Carlos Sainz e Leclerc realizarem o 1-2 da Ferrari.

A dobradinha da Red Bull no GP do Japão, quarta etapa do campeonato, mostrou que Melbourne poderia ter sido um acidente de percurso. A vitória de Verstappen na China, com Lando Norris entre ele e Pérez, reforçava o discurso de que o título de pilotos e construtores estava fadado e permanecer em Milton Keynes.

No entanto, a Red Bull vem de três corridas com desempenhos atípicos para o domínio apresentado nos últimos anos. Em Miami, Norris contou com a bandeira amarela em momento oportuno, mas conseguiu impor um ritmo mais forte que Verstappen para vencer pela primeira vez na carreira. Em Ímola, o neerlandês sofreu com os pneus e quase perdeu a vitória para o britânico da McLaren. Em Mônaco, os taurinos não encontraram o caminho e viu o tricampeão mundial ser somente sexto — Pérez bateu com Kevin Magnussen logo na primeira volta.

Charles Leclerc veio para a briga na F1 2024 (Foto: Ferrari)

Contabilizando a pontuação dessas três corridas, Leclerc e Norris anotaram 55 tentos, contra 51 de Verstappen. O neerlandês segue líder do certame, com 169 pontos, 31 a mais que o monegasco e 56 de vantagem sobre o britânico.

“Ah, são 31 [pontos de diferença]? Alguém me falou 23, o que me deixou empolgado, mas 31 é ok. Quer dizer, aceito de qualquer jeito, mas é um pouco mais do que me falaram”, disse Leclerc.

“De qualquer forma, ainda não penso em título. Estamos em uma parte da temporada que ainda é muito cedo para isso”, completou.

Entretanto, apesar de despistar e falar que não pensa no título, Leclerc deixou escapar que se tornar campeão mundial é viável em 2024.

Charles Leclerc venceu GP de Mônaco e se aproximou de Max Verstappen (Foto: Pirelli)

“Acho que o pacote de novidades que levamos para Ímola ainda precisa ser analisado, entender como ele trabalha e o que ganharemos com isso. Então, temos de maximizar todos os finais de semana e, pouco a pouco, espero que possamos chegar lá”, finalizou.

Fórmula 1 retorna de 7 a 9 de junho com o GP do Canadá, nona etapa da temporada 2024.

:seta_para_frente: Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
:seta_para_frente: Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Chamada Chefão GP Chamada Chefão GP 🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Fórmula 1 direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.