Chefe da McLaren classifica como erro decisão de Hamilton em deixar equipe inglesa

O chefe da McLaren, Martin Whitmarsh, definiu como um erro a decisão de Lewis Hamilton em trocar a equipe inglesa pela Mercedes para 2013

 

Lewis Hamilton foi alertado pelo chefe da McLaren, Martin Whitmarsh, que estava "cometendo um erro" ao trocar a equipe inglesa pela Mercedes. O campeão de 2008 optou por deixar o time de Woking e se juntar à esquadra alemã em um contrato de três anos no valor de cerca de R$ 200 milhões. O anúncio da contratação foi feito nesta sexta-feira (28) pela equipe comandada por Ross Brawn.

"A Mercedes é um grande parceiro nosso e eles possuem uma grande equipe. Mas qualquer um que deixe a McLaren, pensando em vencer, está cometendo um erro, porque acredito e tenho fé nesta equipe", afirmou o dirigente ao jornal britânico 'The Daily Telegraph'.

Martin Whitmarsh fala em erro de Hamilton por deixar McLaren (Foto: McLaren)

"Se você mensurar o que fizemos nas últimas quatro corridas, nos últimos quatro anos ou nas quatro últimas décadas, vai ver que somos uma equipe fantástica", completou. "Eu não aconselharia ninguém a deixar a McLaren se deseja realmente vencer na F1. Mas tenho de respeitar a decisão de Lewis e desejar o melhor a ele", acrescentou.

O dirigente ainda reiterou que a equipe inglesa fez de tudo para manter Lewis no time e que foi o próprio piloto que o avisou, por telefone, na noite da última quarta-feira, da decisão de deixar a escuderia. "Posso dizer que fizemos uma grande oferta financeira a ele, com um salário muito maior do que qualquer outro piloto da F1 atual. Mas nós não concordamos alguns termos e decidimos escolher um caminho diferente", explico. 

Com a saída do britânico de 27 anos, a escuderia de Woking decidiu apostar as fichas em Sergio Pérez, mexicano de 22 anos e que está em sua segunda temporada na F1. A bordo do carro da Sauber, Pérez mostrou duas grandes atuações, na Malásia e na Itália, e soma três pódios em 2012, além da volta mais rápida em Mônaco. E Whitmarsh tratou de defender a contratação do jovem piloto, afirmando que é uma "combinação perfeita de juventude e experiência" para a McLaren, considerando a parceria com Jenson Button. 

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube