Chefe da McLaren elogia “trabalho sólido” feito por Pérez: “Ele é um cara inteligente e não erra”

Martin Whitmarsh reforçou sua confiança no potencial do jovem Sergio Pérez. O chefe de equipe da McLaren não poupou elogios ao piloto mexicano, que chegou à escuderia para substituir Lewis Hamilton


Depois de ter conquistado seus primeiros pontos correndo pela McLaren, Sergio Pérez, que chegou ao time de Woking com a duríssima missão de substituir Lewis Hamilton, recebeu elogios do seu patrão, Martin Whitmarsh. O chefe de equipe da McLaren reforçou sua confiança no potencial do jovem mexicano, destacou seu “trabalho sólido” e avaliou: “Ele é um cara inteligente, não erra”.

Pérez chegou à McLaren debaixo de uma saraivada de críticas. Isso porque, depois que foi anunciado para ocupar a vaga de Lewis Hamilton, ainda em 2012, ‘Checo’ jamais conseguiu repetir a performance consistente que havia exibido antes pela Sauber, hoje sua ex-equipe, onde conquistou três pódios e grandes resultados na primeira metade do ano passado, sendo um dos grandes destaques da temporada.
Whitmarsh se mostrou satisfeito com o trabalho desempenhado por Pérez (Foto: Getty Images)

Neste começo de temporada, já pela McLaren, o jovem de Guadalajara teve performance discreta na Austrália, não avançou ao Q3 e ficou fora da zona de pontuação, mas fez jus à história da McLaren na Malásia. Ainda com um carro bastante problemático, Pérez foi ao Q3 em Sepang e conseguiu terminar em nono, somando seus primeiros dois pontos pelo time de Woking.

Whitmarsh, diante da performance do mexicano, rasgou elogios. “Ele tem feito um trabalho sólido. É fácil se sacudir ao vir para uma equipe como a McLaren quando você não tem um carro rápido o bastante. Ele é um cara inteligente. Ele é incrivelmente jovem, mas, novamente em minha mente, ele não comete um erro”, disse o dirigente britânico em entrevista publicada pelo site da revista ‘Autosport’.

O comandante da McLaren destacou também o fato de ‘Checo’ ser uma pessoa de grupo e que o jovem se encaixou bem no time, que sofre neste começo de ano por conta do projeto do MP4-28. “Ele é um jogador de equipe. Há alguns lampejos de coisas positivas, mas as coisas não começaram bem”, disse, resignado.

Por fim, Whitmarsh garantiu que está bastante satisfeito com sua atual dupla de pilotos, formada por Pérez e por Jenson Button, campeão mundial em 2009 e líder da equipe. “Eu sou imensamente abençoado neste momento com os pilotos que nós temos, sua atitude e abordagem, e eles estão potencializando isso”, encerrou o dirigente.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube