F1

Chefe da Mercedes reduz incidente entre Hamilton e Sirotkin a “mal entendido entre dois pilotos”

Chefe da Mercedes, Toto Wolff não deu bola para o incidente entre Lewis Hamilton e Sergey Sirotkin na classificação do GP do Brasil. Dirigente considerou lance do Q2 apenas um “mal entendido entre dois pilotos”. Linha de raciocínio que Paddy Lowe, diretor a Williams também seguiu
Warm Up, de São Paulo / JULIANA TESSER, de Interlagos / PEDRO HENRIQUE MARUM, de Interlagos
 Lewis Hamilton (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)
Toto Wolff não deu lá muita trela para o incidente envolvendo Lewis Hamilton e Sergey Sirotkin neste sábado (10). Na visão do chefe da Mercedes, o encontrão foi apenas um “mal entendido entre dois pilotos”.
 
No Q2, o pentacampeão se envolveu em dois incidentes. No primeiro, ficou perto de ver a Ferrari de Kimi Räikkönen chocar com a traseira da sua Mercedes na Reta Oposta. Pouco depois, Hamilton vinha lento na descida do Mergulho e quase foi acertado pela Williams de Sergey Sirotkin, que teve de passar pela grama para evitar uma batida muito forte.
 
Questionado sobre sua visão do incidente entre Hamilton e Sirotkin, Wolff respondeu: “Não foi um problema. Era uma volta de aquecimento, um mal entendido entre dois pilotos”.
Toto Wolff minimizou incidente entre Hamilton e Sirotkin (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)
“Sergey disse que não perdeu tempo e que foi um mal entendido, Lewis disse que foi um mal entendido, que ele tentou deixar espaço para alguém que ele pensou que estivesse em uma volta rápida”, explicou. “Poderia ter terminado em um incidente, mas, felizmente. Não foi um problema”, concluiu.

O diretor-esportivo da Williams, Paddy Lowe, foi por um caminho parecido. Para ele, tratou-se de uma confusão espalhada entre os dois e que acabou dando naquele momento.
 
"Não falei com ele ainda e não sei se ele falou sobre. Não vou dizer o que ele falou para mim, mas acredito que a situação foi apenas uma confusão. Lewis vinha devagar para abrir a volta e Sirotkin, diferente, estava rápido, tentando aquecer os pneus, que estavam usados. A posição de Lewis era inesperada, e ele tentou sair da linha mais veloz porque achou que Sergey estava em volta rápida. Foi uma confusão", apontou.

Acompanhe todo o conteúdo em vídeo do GP do Brasil no nosso canal no YouTube Resultado de imagem para logo png youtube
 
GRANDE PRÊMIO cobre ‘in loco’ o GP do Brasil de F1 com os repórteres Evelyn Guimarães, Felipe Noronha, Fernando Silva, Gabriel Curty, Juliana Tesser, Nathalia De Vivo e Pedro Henrique Marum, e o fotógrafo Rodrigo Berton. Acompanhe tudo aqui.