F1

Chefe da Mercedes vê Verstappen como “futuro campeão” na F1: “Talento e velocidade incríveis”

O diretor-executivo da Mercedes, Toto Wolff, vê Max Verstappen como um futuro campeão da F1. Segundo o austríaco, o que Max mostra na pista é o suficiente para mandar um recado para o grid
Warm Up / Redação GP, do Rio de Janeiro
 Max Verstappen e Esteban Ocon (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)

Depois de um começo de temporada complicado, Max Verstappen voltou a mostrar o desenvolvimento de um piloto tido como campeão em algum momento nos próximos anos. Segundo a Mercedes, trata-se de um campeão do futuro caso sigo mostrando todas as atribuições atuais.
 
De acordo com Toto Wolff, o diretor-executivo da Mercedes, Verstappen é um campeão em plena formação.
 
"Em Max, você vê que há um futuro campeão em formação - talento e velocidade incríveis. Uma vez que as arestas soltas acabarem, ele será alguém que vai ser um campeão um dia", disse.
 
Apenas Lewis Hamilton, Sebastian Vettel e Kimi Räikkönen foram ao pódio mais vezes que o jovem holandês.
Max Verstappen e Esteban Ocon (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)
"Em alguns anos ele vai olhar a gravação [do incidente com o Ocon] e ter a própria opinião sobre se foi ou não o comportamento correto, mas não dá para acelerar as coisas. É um processo de aprendizado", seguiu.
 
A despeito do envolvimento de Esteban Ocon na briga pela vitória do GP do Brasil, Wolff deixa claro: a Red Bull não era a rival.
 
"Lewis foi muito claro: Max não era o inimigo. A exigência era superar as Ferrari. Quando Max apareceu como um míssil atrás dele foi claro que não íamos tentar perder tempo, mas chegar ao final com os pneus médios. Então, da parte da Mercedes, é irrelevante quem teria vencido. O objetivo era ficar na frente das Ferrari",encerrou.
 
A F1 volta e termina no fim de semana dos dias 23 a 25 de novembro.