Chefe da Red Bull defende respeito a rivais e coloca Räikkönen como decisivo no Mundial de Pilotos

Christian Horner, chefe da Red Bull, afirmou que seria um erro da equipe subestimar o desempenho dos times rivais. Dirigente apontou que Lotus e Kimi Räikkönen serão decisivos em 2012

Christian Horner, chefe da Red Bull, afirmou que Kimi Räikkönen será um fator importante na disputa do título da temporada de 2012. O finlandês, que voltou à F1 neste ano, acumula 116 pontos, 48 atrás do líder Fernando Alonso e apenas oito atrás de Mark Webber, o segundo colocado.

E a equipe do campeão de 2007 também não tem feito feio. Apesar de ainda não ter conquistado uma vitória, a Lotus tem mostrado uma boa performance e uma evolução constante, somando 192 pontos no Mundial de Construtores, 54 a menos que a Red Bull, que lidera as estatísticas.

Horner acredita que Räikkönen terá papel fundamental no título de 2012 (Foto: Red Bull/ Getty Images/ Mark Thompson)


“Eles são um fator e o carro deles tem sido rápido o ano todo”, ponderou Horner. “Eles têm dois bons pilotos e Kimi, com certeza, é um fator no Mundial de Pilotos, acho que ele está apenas um ponto atrás do Lewis [Hamilton]”, lembrou.

“Como disse desde a segunda corrida, seria besteira subestimar qualquer um dos nossos rivais no momento. Ainda temos um longo caminho pela frente”, reconheceu.

O chefe rubro-taurino também falou sobre as declarações de Webber após o GP da Hungria. O australiano afirmou que a Red Bull sofria com “fogo amigo”, por conta de uma série de pequenos problemas no RB8. Na disputa em Hungaroring, Mark teve problemas com o desgaste acelerado dos pneus, mas Horner acredita que pontuar em cada etapa, apesar dos problemas, será vital no campeonato.

“Com o Mark, é a 52ª corrida que ele terminou sem um problema mecânico e isso é um recorde”, falou. “É claro, tivemos alguns problemas estranhos aqui e ali, mas todos os times têm seus altos e baixos e a tendência é se equilibrarem. Este campeonato será sobre quartos lugares e oitavos lugares nos dias em que não puder conquistar os pontos que quiser conquistar. Foi uma corrida difícil para nós, mas teremos boas corridas a caminho”, encerrou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube