Chefe da Red Bull lamenta abandono, mas revela surpresa com performance de Ricciardo no GP da Rússia

Chefe da Red Bull, Christian Horner lamentou que um problema mecânico tenha tirado Daniel Ricciardo do GP da Rússia, mas admitiu que ficou surpreso com a performance do australiano na pista de Sóchi

Chefe da Red Bull, Christian Horner admitiu que ficou surpreso com a performance de Daniel Ricciardo no GP da Rússia. O australiano chegou a brigar pelo pódio, mas acabou abandonando a corrida por conta de um problema com a suspensão.
 
Assim como Sergio Pérez, Ricciardo optou por parar durante o safety-car acionado pelo acidente de Romain Grosjean, entrando na briga pelo pódio. Apesar da boa atuação do australiano, a corrida acabou mais cedo para Daniel, que brigava pelo sexto posto.
Christian Horner revelou surpresa com performance de Ricciardo (Foto: AP)
“Foi uma pena, porque Daniel tinha feito um bom trabalho com o pneu duro”, lamentou Horner em entrevista à publicação norte-americana ‘Motorsport.com’. “O risco com a estratégia funcionou bem e ele estava fazendo um ótimo trabalhando mantendo os carros mais rápidos de [Valtteri] Bottas e [Kimi] Räikkönen atrás”, seguiu.
 
“Com cinco voltas para o fim, suspeitamos de um problema no eixo traseiro. Uma grande pena. Acho que precisamos investigar para entender completamente”, disse. “Para ser honesto, lutar pelo pódio, depois do safety-car, nós não esperávamos isso. E Daniil [Kvyat] conquistar um quinto lugar em sua corrida de casa é uma performance respeitável”, considerou.
 
 Apesar de as próximas etapas serem caracterizadas por circuitos com longas retas, Horner se mostrou confiante na capacidade da Red Bull de somar bons pontos.
 
“Absolutamente. Espero que em Austin nós estejamos em melhor forma. Tem mais curvas rápidas do que aqui em Sóchi”, opinou. “Nós sabíamos que esta pista seria difícil para nós. México é um pouco desconhecido, apesar de parecer que tem uma reta muito longa. O Brasil será difícil, e nós sempre estivemos OK em Abu Dhabi”, ponderou.
 
Questionado sobre uma possível punição por troca de motor, o dirigente explicou: “Está apertado, mas OK no momento”.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube