Chilton afasta rumores e nega que pai tenha acordo para comprar ações da Marussia

Alçado ao posto de titular da Marussia muito por conta do apoio do multimilionário pai Grahame Chilton, o jovem piloto britânico negou conversas para adquirir ações da escuderia anglo-russa

A ascensão de Max Chilton ao posto de titular da Marussia nesta temporada levantou rumores sobre uma possível aquisição da escuderia de Banbury pelo pai e principal patrocinador do jovem piloto britânico. Grahame Chilton, presidente da seguradora AON e multimilionário, é o principal apoiador da carreira do filho e, graças a seu suporte, Max poderá estrear no grid da F1 no próximo domingo (17), no GP da Austrália.

Contudo, Max, durante entrevista concedida para a revista britânica ‘F1 Racing’, deixou claro que seu pai não pretende adquirir ações da Marussia, minimizando assim os rumores sobre uma possível negociação.

Apoiado pelo milionário pai, Chilton fará sua estreia na F1 em 2013 (Foto: Marussia)

“Posso dizer claramente que não é verdade”, disse o jovem Chilton. “Temos uma estrutura formada por 30 pessoas e várias empresas que investem em minha carreira esportiva. Como contrapartida, eles recebem parte dos meus lucros”, afirmou.

Grahame Chilton também banca a carreira de outro filho: Tom, de 27 anos, disputa o BTCC, Campeonato Britânico de Carros Turismo. Mais novo, Max teve uma carreira bem mais exitosa que a do irmão mais velho: quarto colocado na GP2 no ano passado, o jovem britânico será um dos cinco estreantes do Mundial de F1 em 2013.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube