Com “carro mais bem construído”, Massa vê Ferrari com grande potencial já no início do ano

Em uma entrevista coletiva no Rio de Janeiro, Felipe Massa disse acreditar que a Ferrari tem potencial para brigar pela ponta já no início da temporada. Brasileiro ponderou, entretanto, que GP da Austrália será o momento chave

[TNT Street Race]

► Massa guia F10 no Aterro do Flamengo e arranca aplausos da plateia
► Massa vê Ferrari "um pouco brasileira" e realiza sonho de guiar no Rio

► Massa pede mudança de “mentalidade de quem está no comando” do esporte
► Massa evita previsões sobre futuro e foca na temporada de 2013 da F1
► As melhores imagens do TNT Street Race

Felipe Massa esteve no Rio de Janeiro neste fim de semana para participar do TNT Street Race, evento promovido por um dos patrocinadores da Ferrari, que colocou o piloto para guiar a F10 nas ruas do Aterro do Flamengo. Antes da exibição, o brasileiro conversou com a imprensa e avaliou que a escuderia de Maranello tem uma boa chance de iniciar a temporada já brigando pela ponta. 

 
“Eu analiso que a gente tem um potencial grande de estar disputando boas colocações logo de cara”, comentou. “A gente ainda não tem a noção clara de onde a gente está comparando com as outras equipes, até porque pré-temporada é sempre teste”, considerou Massa. 
Massa vê GP da Austrália como momento chave da temporada (Foto: Miguel Costa Jr.)
“Muitas coisas acontecem na pré-temporada e não acontecem na temporada. Para os dois lados: tanto a equipe que andou muito rápido na pré-temporada, às vezes não começa tão bem o ano; como a equipe, talvez, que não andou tão bem, começa bem o campeonato”, avaliou o piloto. 
 
Felipe ponderou que a escuderia vermelha tem de estar preparada e afirmou que o GP da Austrália será o momento chave do Mundial, já que será a primeira chance de ver o real desempenho dos times. 
 
“A gente tem sempre que ficar um pouco preparado, porque o momento chave e a hora certa são agora, na corrida da Austrália”, frisou. “Na classificação a gente vai ter a noção de onde a gente está comparando com as outras equipes.” 
 
“Tem muitas equipes competitivas, como a própria Mercedes, que andou rápido agora nos testes, como a McLaren, como a Lotus, como a Red Bull, e muitas equipes grandes, competitivas, então a gente tem de esperar agora o momento certo, mas acho que o mais importante é que a gente andou bem”, opinou.
 
Depois de todos os problemas enfrentados no ano passado, Massa comentou que a F138 é um carro melhor e, por isso, acredita que o time tem chances de lutar pela ponta da tabela de tempos desde o início do Mundial. 
 
“A gente sentiu um carro bom, um carro mais estável, um carro mais fácil de guiar também”, explicou. “O quanto isso indica de onde a gente está, é difícil dizer, mas eu acho que mostra um carro mais bem construído, mais bem pensado em todas as áreas e eu acho que isso pode ser importante para um campeonato melhor, mais competitivo”, finalizou. 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube