F1

Com estratégia perfeita e emoção, dupla da Toro Rosso exalta “resultado fantástico” na casa da Honda

Brendon Hartley conquistou a melhor posição de largada da carreira e vai partir da sexta posição neste domingo em Suzuka. Pierre Gasly obteve o sétimo lugar em uma classificação iluminada para a dupla da Toro Rosso diante os fãs japoneses e da parceira, a Honda

Warm Up / FERNANDO SILVA, de Sumaré
Foi um grande dia para a Toro Rosso e para a Honda em Suzuka. Em plena casa da montadora japonesa, a escuderia de Faenza obteve sua melhor classificação na temporada neste sábado (6). Brindada pela sorte pelo azar de Daniel Ricciardo com a falha no motor e com o erro da Ferrari na estratégia de Sebastian Vettel, o time B da Red Bull teve também grande desempenho, colocou seus dois pilotos no Q3 e adotou a melhor estratégia ao mandar Brendon Hartley e Pierre Gasly para a pista no momento certo. 
 
O neozelandês, que não tem vaga assegurada na próxima temporada, fez a melhor classificação da carreira e vai largar na sexta posição, lado a lado com Romain Grosjean, da Haas. Gasly também foi bem e obteve o sétimo lugar. A dupla ficou separada por apenas 0s030, enquanto Hartley esteve a meros 0s262 da quinta colocação no grid japonês.
 
Hartley vibrou com a conquista e lembrou das dificuldades que vem enfrentando no seu ano de estreia na F1.
Brendon Hartley vibrou com o melhor grid da sua curta carreira na F1 (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)
“Estou feliz demais com isso! Fiquei um pouco emocionado na volta. Normalmente não ficaria emocionada, mas foi pelo esforço que todos nós colocamos e as batalhas que venho tendo, por vezes, durante a temporada. Foi bom que hoje tudo deu certo e foi do meu jeito, correspondi quando precisou”, disse o piloto, que soma dois pontos no campeonato.
 
Brendon ressaltou a atitude da equipe ao colocar os dois carros no momento certo da pista para uma volta lançada antes de a chuva dar as caras de vez na reta final do Q3.
 
“Foi uma classificação complicada por causa do clima, mas a equipe traçou a estratégia perfeita porque estivemos na pista na hora certa. Largar em sexto lugar no grid, na frente da Honda e de todos os fãs japoneses é fantástico. Agora preciso consolidar os pontos, mas vou curtir a sensação do momento”, comemorou.
Pierre Gasly vai largar logo atrás de Brendon Hartley, em sétimo lugar (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)
Gasly vibrou com a grande jornada da Toro Rosso em Suzuka. “É um resultado fantástico hoje, sexto e sétimo lugares para a Honda em Suzuka é claramente um bom trabalho na comparação com alguns dos outros que tivemos neste ano. Estou muito feliz pela equipe. Provavelmente é a melhor classificação da equipe desde o começo do ano, e fazer isso no Japão é muito especial”, ressaltou o francês, feliz por ter conseguido entregar um belo resultado para a Honda.
 
A expectativa de Gasly para domingo é que os dois carros da Toro Rosso possam terminar nos pontos. “Suzuka é difícil de ultrapassar, então precisamos focar na largada. Tanto Brendon quanto eu tivemos uma boa impressão do carro em todo o fim de semana, então vamos seguir acelerando, uma vez que temos alguns carros rápidos ao nosso redor. Temos de lutar, mas espero que possamos ter uma boa largada e dar trabalho a Romain pelo quinto lugar”.
 
“Desde o começo da temporada nós conseguimos aproveitar as oportunidades que tivemos, então, mais uma vez, precisamos estar focados e tentar o obter o melhor resultado possível”, concluiu o sétimo lugar no grid em Suzuka neste domingo.
 
A largada do GP do Japão está marcada para 2h10 (horário de Brasília) deste domingo. O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo AO VIVO e em TEMPO REAL.