F1

Com Grosjean confirmado na Lotus ao lado de Maldonado, confira grid provisório da temporada 2015 da F1

Com o anúncio da renovação do contrato de Romain Grosjean com a Lotus, restam apenas oito vagas no grid de 2015. Isso se Manor e Caterham realmente alinharem no Mundial no próximo

Warm Up / Redação GP, de São Paulo
O grid de 2015 da F1 segue tomando forma. Nesta quarta-feira (19), a Lotus anunciou a renovação do contrato de Romain Grosjean, que segue no time para manter a dupla com Pastor Maldonado.
 
Com a definição do time de Enstone e levando em conta a lista de inscritos divulgada pela FIA (Federação Internacional de Automobilismo), restam oito vagas no grid do próximo ano.
Romain Grosjean é mais um garantido no grid de 2015 da F1 (Foto: Getty Images)
Na Ferrari, Sebastian Vettel deve ser anunciado nos próximos dias, assim como a mudança de Fernando Alonso para a McLaren. No time de Woking, também resta a definição da segunda vaga, que tem Jenson Button e Kevin Magnussen como candidatos, mas que só vai ser anunciada após o dia 1 de dezembro
 
Na Toro Rosso, ainda falta o anúncio do companheiro de Max Verstappen, e Jean-Éric Vergne, atual titular da equipe de Faenza, é o mais cotado para a posição.
 
Presente na lista de inscritos divulgada pela FIA no último dia 5 de novembro, a Manor ainda está sujeita à confirmação, o que não acontece com a Caterham.
 
A Manor, aliás, surge no grid do lugar da Marussia, que, assim como a Caterham, acumula muitas dívidas e, por isso, está sob administração legal.

F1, Grid provisório de 2015:

 
PILOTOS
Red Bull
DANIEL RICCIARDO
DANIIL KVYAT
Mercedes
NICO ROSBERG
LEWIS HAMILTON
Ferrari
KIMI RÄIKKÖNEN
 
Lotus
ROMAIN GROSJEAN
PASTOR MALDONADO
McLaren
 
 
Force India
NICO HÜLKENBERG
SERGIO PÉREZ
Sauber
MARCUS ERICSSON
FELIPE NASR
Toro Rosso
MAX VERSTAPPEN
 
Williams
FELIPE MASSA
VALTTERI BOTTAS
Manor*
 
 
Caterham
 
 
* Sujeita à confirmação
BOLÃO GRANDE PRÊMIO EUROBIKE
A DECISÃO DA F1 EM ABU DHABI


Participe do bolão da F1 GRANDE PRÊMIO EUROBIKE: dê seus palpites para o GP de Abu Dhabi deste fim de semana que define o campeão da temporada 2014. 

Será que Lewis Hamilton vai jogar pelo resultado e ser segundo colocado para ficar com o bicampeonato? E Nico Rosberg, vai para o tudo ou nada, vence e dá uma ajudinha para fazer com que Felipe Massa e companhia tentem superar o rival?
 

Não perca tempo e aposte já.
A 'TÁTICA VILLENEUVE'

Em meio à alegria da vitória e pela torcida que invadira a pista em Interlagos, Nico Rosberg não titubeou em chamar Felipe Massa de irmão camarada. Havia o interesse próprio: o resultado confirmava a necessidade de o alemão ter alguém que importune a vida de Lewis Hamilton para lhe tirar o segundo lugar em Abu Dhabi. Uma dobradinha como a do Brasil é o suficiente para que o inglês comemore seu segundo título.

Ironia da vida, Rosberg deve estar resmungando por a Mercedes ter feito um carro tão bom. A solução é ser o autor da situação que permita aos demais andar no ritmo de Hamilton. Que ele veja, então, o GP do Japão de 1997 e o que fez Jacques Villeneuve.


Leia a análise no GRANDE PRÊMIO.