Com participação de nove equipes do grid físico e sem Ferrari, F1 anuncia segunda temporada da Esports Series

A F1 confirmou nesta quarta-feira (4) a segunda temporada da F1 Esports Series, a competição de automobilismo virtual do Mundial. Dividida em duas partes, a temporada terá um processo de recrutamento e o envolvimento de nove das equipes do campeonato físico

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

A F1 Esports Series, o campeonato de automobilismo virtual do Mundial de F1, vai voltar para a segunda temporada. E agora com a participação de nove das dez equipes do grid físico: Mercedes, Red Bull, Force India, Williams, Renault, Haas, McLaren, Toro Rosso e Sauber terão equipes organizadas para a competição. Somente a Ferrari fica fora. 

 
A temporada será dividida em duas partes. Na primeira, os pilotos irão disputar o jogo F1 2017, produto oficial do Mundial, para serem escolhidos como membros de um processo de recrutamento, o Pro Draft. Na segunda parte da temporada, em julho, as equipes irão selecionar pilotos neste Pro Draft. Cada uma das equipes vai escolher ao menos um piloto neste processo.
 
Pilotos de carros virtuais que jogarem o F1 2017 nos consoles PlayStation 4, XboxX One e por computador tradicional podem participar do primeiro de quatro eventos classificatórios, marcado para 13 de abril. Neste evento, os jogadores assumirão controle da Mercedes de Valtteri Bottas na pista de Xangai. Precisarão arrancar um pódio recebendo o carro na sexta colocação, com cinco voltas restantes e numa pista molhada que está começando a secar. 
 
Os primeirsos dez que completarem o desafio em cada uma das plataformas irão competir contra todos os outros num evento transmitido ao vivo. Os três primeiros colocados desta corrida em cada uma das plataformas se classificam para o Pro Draft.
 
Ao fim dos quatro eventos qualificatórios e mais um estáfio de repescagem, o Pro Draft contará com 40 pilotos de todo o mundo. Cada um deles estará disponível para que as equipes selecionem e, a partir daí, conte com eles.   
F1 Esports Series (Foto: F1)

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

A segunda parte da temporada terá três eventos ao vivo que determinarão o campeão da F1 Esports Series na temporada 2018. 

 
"Sempre foi nossa meta envolver os times assim que possível, então agora estamos deliciados em reconhecer o potencial da F1 Esports Series num estágio tão importante. A temporada passada foi um grande sucesso e demonstrou que existe uma clara audiência e interesse para essa forma de corrida inovadora. Vamos continuar a investir na Esportes Series porque sentimos que é uma grande forma de interagir e engajar novas audiências", afirmou Julian Tan, chefe de crescimento digital da F1.
 
"A Codemasters está extremamente orgulhosa de se envolver na F1 Esports Series. A qualidade da competição que vimos no ano passado foi espetacular, bem como a integração das equipes para a temporada vindoura vai trazer competição e a promoção para um nível acima. Acreditamos fortemente que o Esports é uma plataforma que nos permite engajar com uma audiência maior e mais diversa, além de nossa já tradicional comunidade de gamers", falou Frank Sagnier, diretor-executivo da Codemasters, a desenvolvedora do jogo.
 
"Estamos animados em continuar como parceiros da F1. A F1 e a Codemasters maximizaram o potencial real do ano passado ao integrar a F1 Esports Series ao GP de Abu Dhabi e seus parceiros de TV e plataformas de streaming. Estamos ansiosos para desenvolver em cima dessa situação na segunda temporada, com cada vez mais eventos e oportunidades de transmissão", afirmou Neville Upton, diretor-executivo da Gfinity, plataforma de esportes virtuais.
 
No geral, a premiação distribuída durante a temporada será de pelo menos R$ 670 mil. O campeão da primeira temporada foi o inglês Brendon Leigh.
CEDO DEMAIS?

ALONSO ENTRA NO ‘MODO EMPOLGOU’ ANTES DO TEMPO

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube