F1
14/11/2015 14:34

Comovido após atentados terroristas em Paris, Grosjean decide correr com bandeira da França no macacão

Romain Grosjean está em São Paulo, longe de Paris. Mas o francês não consegue ignorar os atentados terroristas que acontecem em sua terra natal: o piloto da Lotus decidiu colocar uma braçadeira com a bandeira da França em seu macacão, para a disputa do GP do Brasil
Warm Up, de Interlagos / VITOR FAZIO, de Porto Alegre / PEDRO HENRIQUE MARUM, do Rio de Janeiro
 Romain Grosjean em seu penúltimo GP com a Lotus (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)
Único piloto francês no grid da F1 em 2015, Romain Grosjean resolveu ir a Interlagos para este sábado (14) de treino classificatório para o GP do Brasil com uma braçadeira da França no macacão após os atentados terroristas que sacudiram Paris na noite desta sexta-feira (13), deixando pelo menos 120 mortos.
 
A foto foi postada pelo próprio Grosjean alguns minutos antes do início do terceiro treino livre. O piloto da Lotus já havia publicado mensagens em seu Twitter ainda durante a eclosão dos ataques às ruas parisienses e de Saint-Denis.
Romain Grosjean vai correr com a braçadeira da bandeira da França (Foto: Getty Images)
Grosjean não é o único do Paddock a prestar homenagens às vítimas dos atentados. Vários pilotos, dirigentes e até equipes se manifestaram nas redes sociais, frisando o apoio à França após aquele que já é considerado o pior ataque terrorista desde o 11 de setembro. A Lotus, equipe de Romain, confirmou que correrá com as hashtags #PrayForParis em seus bólidos.
 
A própria FIA – entidade baseada na França e comandada pelo francês Jean Todt – já garantiu um minuto de silêncio antes do GP do Brasil, marcado para este domingo (15).
 
"Na programação de amanhã, no pré-corrida, haverá uma ocasião para relembrar as vítimas das estradas, que todos os dias matam mais de 3.000. Por isso, decidimos ter um minuto de silêncio para aqueles que morrem diariamente. Não podemos ignorar o que aconteceu em Paris e, em seguida, também teremos um momento simbólico para relembrar as vítimas francesas", explicou Todt.
 
O treino classificatório para o GP do Brasil acontece neste sábado (14), e promete mais um embate entre Lewis Hamilton e Nico Rosberg. Os pilotos da Mercedes patrolaram os três treinos livres realizados.

Quer ganhar um super kit do GRANDE PRÊMIO no GP do Brasil de F1? Então participe do 'Traz mais um no GP'.É simples:...

Posted by Grande Prêmio on Quinta, 12 de novembro de 2015
PADDOCK GP COM FELIPE MASSA: ASSISTA JÁ