Competitividade do Bolão GP 2021 volta a sofrer cruel golpe com minha magia moleque

Pela segunda vez nas três últimas etapas, dominei o Bolão GP 2021 de maneira incontestável para alcançar o top-10 da classificação geral

Verstappen domina e vence na casa da Red Bull: os melhores momentos do GP da Estíria (GRANDE PRÊMIO com Reuters)

Apenas três semanas atrás, este relato semanal veio recheado de lirismos e releituras históricas das quadras de Nostradamus para sublinhar o fim da competitividade do Bolão GP 2021 de maneira efetiva após uma vitória incontestável deste que vos escreve na maior improvável etapa da F1 para palpites nesta temporada. Agora, neste fim de semana do GP da Estíria, a vitória retornou aos braços onde se sente mais acarinhada: aos meus.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!
Câmara pede nova instalação de ‘CPI da F1’ para investigar contratos do GP de São Paulo

É isso, leitores caríssimos. Voltei a esticar a mão para dentro de meu chapéu de coroa cônica sustentado por larga aba, aqueles estilo O Mágico de Oz. Na cartela de truques espalhados pelo estofado que cerca aquela espécie de campânula em vestuário, faltam truques baratos e mesquinhos: há é um vasto arsenal de conhecimento liberado somente em doses homeopáticas para não inebriar o ambiente a todo momento.

A contabilização dos palpites somou 175 pontos na minha janelinha. De onde aporta essa quantia? Fui o único a cravar o pódio, algo que me deu ainda o bônus. Também acertei quarto e sétimo colocados, além do pole. Imparável. O elevador foi efetivamente chamado e me colocou na sétima colocação geral após um começo de bolão aguerrido e estudado.

Max Verstappen recebe a bandeirada da vitória do GP da Estíria (Foto: AFP)
Paddockast #109: A primeira avaliação dos pilotos em 2021

“Um momento de profunda alegria. Quer dizer, alegria, não. Profunda confirmação de todos os meus dotes como palpiteiro e conhecimentos baseados em vasta sabedoria de assuntos gerais”, disse eu.

E, sim, caso você, aí de casa, tenha perdido a conta: eu acabei de citar a mim mesmo com aspas num texto escrito por mim. Quantas pessoas fazem isso?

Gabriel Melo e Thiago Jesus foram, respectivamente, segundo e terceiro colocados da semana com 165 e 160 pontos. Assim, subiram para as posições 29 e 33 do Bolão até aqui.

Lamentavelmente, a mutreta do cartola Renato Ribeiro segue imbatível e ele ainda lidera o Bolão com 830 pontos contra 745 do segundo colocado, Renato Luz, que não foi bem na rodada. Felipe de Paula é quem aparece em terceiro (685 pontos), seguido de Clébio Júnior (630) e Silvestre Cirilo (625). Empatados em pontuação, estamos Rodrigo Berton e eu, em sexto e sétimo, com 620. Daniel Dalence (615), José Libório (600) e André Nascimento (590) encerram o top-10.

Siga o GRANDE PRÊMIO nas redes sociais:
YouTube | Facebook | Twitter Instagram | Pinterest | Twitch | DailyMotion

Entre os grandeprêmios, além do Renato, Berton e de mim, Pedro Luis Cuenca (12º, 575), Gabriel Carvalho (15º, 570), Gabriel Curty (21º, 525), Vitor Fazio (23º, 515), Victor Martins (26º, 485), Guilherme Bloisi (34º, 425), Lucas Couto (37º, 410) e Pedro Prado (48º, 260).

Fernando Silva ocupa a 32ª colocação e tem 440 pontos – perda de uma colocação em relação à rodada passada. Nas últimas semanas, o crescimento encontrou uma lombada, mas é apenas momentâneo. “O pai perdeu a força, meu rei. Mas é coisa rápida só, agora que eu estou imunizado o desempenho não pode ser nada menos que retumbante”, garantiu.

A próxima etapa da Fórmula 1 – e, mais importante, do Bolão – está marcada para o GP da Áustria, novamente em Spielberg, já neste fim de semana. Você pode apostar, como sempre, até o começo do treino de classificação. Para participar do Bolão GP 2021, basta se tornar um assinante da GPTV, o nosso canal do YouTube. Faça isso aqui.

GP às 10: Dizer que Leclerc foi melhor do GP da Estíria é maluquice
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar